Bela Gil e Palmirinha colocam Bial para cozinhar durante entrevista

Filha de Gilberto Gil ainda explica a polêmica de comer a própria placenta após o parto de seu segundo filho

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

- AMIGO + AMIGOS
Preencha todos os campos.

postado em 30/08/2017 11:20

TV Globo/Reprodução
 
O Conversa com Bial desta terça-feira, 29, contou com duas convidadas especialistas na cozinha. Bela Gil, que comanda um programa de receitas naturais no GNT, e Palmirinha Onofre se juntaram a Pedro Bial para um bate-papo sobre alimentação e culinária e ainda colocaram o apresentador para cozinhar. 

Durante o programa, as duas trocaram experiências, e Bela afirmou que foi fã de Palmirinha enquanto ela apresentou seus programas. Aos 86 anos, a culinarista assume que também acompanha Bela. ''Não consigo tirar do canal enquanto ela está ensinando'', disse. 

A apresentadora explica como aprendeu a cozinhar. ''Minha mãe cozinhava muito porque a gente morava no sítio e tinha vontade de comer uma carne de porco a gente ia lá e matava o porco e comia'', relembrou, às gargalhadas.  

Bela, por sua vez, apesar de ter apenas 29 anos e morar no Rio de Janeiro conta que segue a mesma lógica e evita ingredientes industrializados. ''Eu procuro não fazer comprado, mas a gente tem que ser prático. Estamos numa época que tudo que você quer você encontra no supermercado, então é mais fácil de trabalhar, antigamente você tinha que fazer o caldo de galinha'', diz. 
 
Palmirinha conta, também, que sua libertação feminina veio através da cozinha: ''O fogão me deu vida, prazer de viver, prazer de ensinar para as pessoas que você pode superar tudo aquilo que você não teve, independência financeira que casei minhas três filhas, cuidei delas sozinhas, tudo com a culinária.''

Sobre a polêmica do consumo da placenta, a filha de Gilberto Gil comenta: ''Eu tive em casa, o que eu ia fazer depois com a placenta? Tem muito ferro, ajuda a repor os nutrientes, tem muito hormônio. Dizem que diminui as chances de ter depressão pós-parto'', relatou. 
 
Ao ouvir o depoimento, Palmirinha aprovou a ideia: ''Interessante mesmo isso. Anitgamento não tinha hospital, era a parteira que ia em casa e você não sabia o que fazer com aquilo e jogava fora. E ela reaproveitou.''

E, na hora de colocar a mão na massa, os três simularam um programa de culinária para juntar os conhecimentos das duas convidadas. Bela sugeriu que eles fizessem um cookie de chocolate, porém, substituindo os ingredientes habituais.
Comentários Os comentários não representam a opinião do jornal;
a responsabilidade é do autor da mensagem.