Diretora de Mulher-Maravilha comandará a sequência do blockbuster

A continuação da história pode mostrar a heroína enfrentando a União Soviética durante os anos 1980

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

- AMIGO + AMIGOS
Preencha todos os campos.

postado em 12/09/2017 12:43

Internet/Reprodução

Patty Jenkins será a diretora de Mulher-Maravilha 2. De acordo com a Variety, a cineasta assinou um contrato com a Warner Bros para ser responsável pela sequência da história de Diana Prince, que continuará sendo interpretada pela atriz Gal Gadot. Anteriormente, o Deadline informou que as negociações demoraram porque Jenkins havia pedido um cachê maior - similar ao pago para diretores homens -, que pode torna-la a diretora mais bem paga da história.  

Em julho deste ano, o portal norte-americano The Wrap afirmou que a sequência será ambientada durante a década de 1980, em que a heroína enfrentará a União Soviética. Mulher-Maravilha, lançado neste ano, teve como cenário a Primeira Guerra Mundial. Sendo um sucesso nos cinemas, o longa-metragem arrecadou 816 milhões de dólares em todo mundo. No Brasil, os valores ultrapassaram a faixa dos R$ 100 milhões, tornando-se o filme de super-herói solo de maior bilheteria no país.
 
 
Mulher-Maravilha 2 estreia nos cinemas em 13 de dezembro de 2019. A princesa amazona aparecerá nas telonas ainda em 2017, em Liga da justiça, que tem lançamento agendado para 16 de novembro. Além de Diana, a produção vai contar com a presença de personagens como Batman, Aquaman, Cyborg e Flash. Na história, a morte de Clarck Kent (Super-Homem) fará Bruce Wayne (Batman) iniciar uma busca por novos heróis. A intenção do Homem-Morcego é formar um grupo de combatentes do crime, mostrando o início do mais famoso time da DC Comics.  

Comentários Os comentários não representam a opinião do jornal;
a responsabilidade é do autor da mensagem.