Publicidade

Estado de Minas

Brasiliense de 13 anos faz campanha na internet para ganhar guitarra

O adolescente Lucas Antunes recebeu um desafio do pai: alcançar 5 mil seguidores no Instagram para conseguir o instrumento de presente


postado em 18/01/2018 13:55 / atualizado em 18/01/2018 14:15

Lucas faz shows no Parque da Cidade e sonha com uma guitarra Fender(foto: Reprodução/Facebook)
Lucas faz shows no Parque da Cidade e sonha com uma guitarra Fender (foto: Reprodução/Facebook)

 
O rock não morreu! Prova disso é que diversos jovens ainda se apaixonam pelo estilo e querem ser como os grandes ídolos. É o caso do brasiliense de 13 anos Lucas Antunes. Apaixonado por música, ele topou um desafio proposto pelo pai para ganhar uma guitarra: alcançar 5 mil seguidores no Instagram (siga aqui). 
 
E Lucas já está quase lá. Conseguiu, até agora, mais de 4 mil seguidores (contando com nomes importantes do rock nacional, como Digão e Flávio Lemos). No perfil da rede social, ele posta vídeos e fotos tocando violão e interpretando clássicos de bandas como Legião Urbana e Pink Floyd. Além de registros e apresentações que fez em bares e casas da região ao lado de bandas da cidade. 
 
O interesse pelo instrumento surgiu meio que por acaso. “Meu pai me colocou no futebol, na natação, no basquete, mas não deu muito certo”, lembra Lucas. Então, um dia o pai, Marcio Antunes, chegou com um violão.  “Faz uns 4 anos, comecei a fazer aula e, depois, a me interessar muito”, explica o jovem músico.
 
Há cerca de 1 ano, Lucas fez um pedido inusitado ao pai. Queria tocar em locais abertos da cidade, como o Parque da Cidade e o Buraco do Tatu. Decidido, ele convenceu Marcio, que comprou alguns equipamentos para viabilizar a ideia. Os pequenos shows começaram a dar resultado e a chamar atenção.
 
“Até que um dia, ele me disse que precisava de uma guitarra. Perguntei qual e ele me disse: ‘Uma Gibson ou uma Fender’. Brinquei com ele: ‘Já quer começar com uma Ferrari’?” Como se tratavam de duas marcas símbolos do rock (com valor alto), o pai sugeriu o desafio dos 5 mil seguidores.
 
“Achei que ela iria demorar muito mais, mas em 9 meses já chegou a mais de 4300 seguidores.” O próprio Lucas ficou surpreso com o resultado: “Pensei que demoraria bem mais, que ia levar muito tempo para conseguir”.
 
 
O sonho da guitarra própria se justifica nos vídeos em que o garoto testa instrumentos alheios. Ele mostra que, mesmo muito jovem, tem destreza e talento. Jimmy Page e Eddie Van Halen são as duas referências principais de Lucas.
 
A ligação com a música, garante o pai, nunca atrapalhou os estudos. Com orgulho, Lucas exibe, em uma das postagens no Instagram, um certificado de destaque no colégio em que estuda. “O foco nos estudos é algo que a gente não abre mão e ele é um excelente aluno, lê muito”, acrescenta Marcio. 
 
Apesar de os perfis nas redes sociais serem totalmente comandados por Lucas, os pais estão sempre atentos às interações. “Já me perguntaram se era eu que escrevia e não, é tudo feito por ele mesmo. Sabemos que as redes sociais são bacanas, mas perigosas, então ficamos sempre de olho.”
 
Além do Instagram, quem quiser conhecer o talento de Lucas pode acessar a página do jovem músico no YouTube e vê-lo tocando e cantando canções como Tempo perdido, Wish you were here, Wonderwall e À sua maneira
 
 


Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade