Publicidade

Estado de Minas NOTíCIAS

Homem engana jurados em concurso de beleza feminino e vira finalista

Vestido de mulher, o modelo venceu 4 mil candidatas a miss


postado em 08/02/2018 16:40 / atualizado em 08/02/2018 16:43

O jovem se passou por uma modelo feminina e enganou toda a organização do concurso Miss Virtual Cazaquistão 2018 (foto: Reprodução/Internet)
O jovem se passou por uma modelo feminina e enganou toda a organização do concurso Miss Virtual Cazaquistão 2018 (foto: Reprodução/Internet)

A modelo Alina Alieva, 22 anos, foi eliminada do concurso de beleza Miss Virtual Cazaquistão 2018 mesmo após chegar à final. A razão? “Alina Alieva" era, na verdade, o modelo masculino Iley Dyagilev, que enganou todos os organizadores do evento. 

Vestido de mulher, o rapaz eliminou 4 mil candidatas e não deixou suspeitas nem mesmos aos internautas que acompanhavam o programa. Dyagilev foi eliminado depois de confessar a sabotagem.

O modelo disse que ideia surgiu depois que eles e os amigos conversavam sobre a padronização da beleza feminina. “Muitas mulheres jovens parecem idênticas: mesma maquiagem, mesmo estilo, e elas acham que serão bonitas seguindo tendências. Eu discordo”, disse o jovem.

Pouco modesto, o modelo afirmou ser “sempre campeão da beleza natural”. Ele julgou ter ido longe de mais com a brincadeira e assumiu ser homem. Após a surpresa, Dyagilev foi substituído por Aikerim Temirkhanova, de 18 anos.

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade