Economia
  • (19) Comentários
  • Votação:
  • Compartilhe:

Por reeleição, governo adia obrigatoriedade de freio ABS e air bag Fazenda afirma que a obrigatoriedade encarece veículos e impacta a inflação. Medida, que valeria a partir de janeiro, deve ser adiada para 2016.

Deco Bancillon

Victor Martins

Publicação: 12/12/2013 08:30 Atualização: 12/12/2013 08:37

 (Ed Alves/CB/D.A Press 
)

Sob a justificativa de evitar uma possível escalada da inflação em 2014, o governo decidiu sacrificar a segurança de motoristas. Em vez de as montadoras serem obrigadas a tirar das fábricas carros com air bags e freios ABS, em janeiro próximo, só terão de entregar esses veículos — vitais para preservar vidas nas estradas — a partir de 2016. Quem acompanha o assunto de perto garante, porém, que o problema não é a alta do custo de vida, mas a repercussão política em uma das principais bases do PT, o ABC Paulista, durante a campanha à reeleição da presidente Dilma Rousseff.

A obrigatoriedade de instalar os elementos de segurança interromperia a linha de produção da Kombi e do Gol G4 na região, medida, segundo a Volkswagen e o sindicato dos metalúrgicos, com potencial para demitir 8 mil trabalhadores diretos e indiretos no ano do pleito.

Leia mais notícias de Economia

O adiamento desses itens foi confirmado ontem pelo ministro da Fazenda, Guido Mantega. “Estamos preocupados com o impacto sobre os preços dos carros, porque isso eleva o valor deles entre R$ 1 mil e R$ 1,5 mil”, calculou. A decisão oficial deve sair até a próxima terça-feira, depois de uma reunião dele com dirigentes da Associação Nacional dos Fabricantes de Veículos Automotores (Anfavea). Atualmente, 60% dos carros fabricados no país já têm air bags frontais e freios ABS.

A matéria completa está disponível aqui, para assinantes. Para assinar, clique aqui.

Esta matéria tem: (19) comentários

Autor: GILMAR PEREIRA
coisas que interessa o povo não aprovam mas os simuladores que custa horrores foi aprovado rapidinho para que os empresários faturem muito ! | Denuncie |

Autor: Rodrigo Bueno
Concordo com o Rocha. Desonere os impostos. Os carros aqui são as carroças mais caras do mundo. Esse é governo que o brasileiro merece mesmo! | Denuncie |

Autor: Carlos Magalhaes
A justificativa do governo não faz muito sentido pois é impovável que o custo dos freios ABS e Airbags diminuam daqui a dois anos, logo, é adiar o inevitável. | Denuncie |

Autor: Fernando Monteiro
O governo abriu mão do IPI, estava na hora do empresário reduzir o lucro que, no setor, no Brasil, está acima da média mundial. Mas como é um governo frouxo e populista, prefere sacrificar a segurança do cidadão. | Denuncie |

Autor: João Neto
Em suma, p/ esse Governo, a reeleição é mais importante do que a vida das pessoas! E esse ...ainda estão investigando de Juscelino foi assassinado! Estão assassinando as pessoas por interesses políticos! Será que Goulart foi envenenado? Mas estão cag.. e andando p/ vidas dos brasileiros!! | Denuncie |

Autor: Nyll Rodrigues
Um país em que cerca de 50 mil pessoas morrem em acidentes de trânsito e mais de 600 mil ficam feridas, não merece credibilidade alguma. São índices de guerra civil. Nem no Iraque ou Síria morrem tantas pessoas assim em suas guerras infinitas. BRASIL, UM PAÍS DE TOLOS E DE ABSURDOS! | Denuncie |

Autor: Nyll Rodrigues
Em breve vou embora desse país para nunca mais voltar e nem sentir remorso por isso. Quando vou ao exterior, EUA principalmente, vejo que estamos ainda no século 19. Os absurdos daqui não existem mais lá. Viver no Brasil é como viver numa roleta russa. BRASIL, UM PAÍS DE TOLOS E DE NEGOCIATAS! | Denuncie |

Autor: Nyll Rodrigues
Tudo isso em nome da ganância desses empresários. O air bag e o abs são itens importantíssimos em matéria de segurança. Alguém saiu ganhando com isso e não foi pouco. Adiar esse projeto é uma afronta à segurança do motorista. Baixem os impostos astronômicos e façam carros seguros! | Denuncie |

Autor: Nyll Rodrigues
Que a indústria nacional continue fabricando carroças bonitinhas, caras e sem segurança alguma, que os chineses vão continuar fabricando carros mais seguros e equipados que os nossos. Ano que vem, quero ver os carros chineses e coreanos triplicarem suas vendas. BRASIL, UM PAÍS DE TOLOS E DE CARROÇAS! | Denuncie |

Autor: de rocha
Desonere os impostos ministro!!! Nos EUA ou Europa, todos os carros já vem com esses itens e nem tem 1.0 por lá, são motores mais potentes, mas custam o valor de um básico 1.0 no brasil. | Denuncie |

Autor: Tarcísio Silva
Tudo pela ambição do poder; até por em risco milhares de vidas humanas. Se a ind. automobilista melhorar a segurança dos viiculos agora, conforme diz a lei, os preços vão aumentar e refletirão nas estatísticas do custo de vida; e isto, certamente, prejudicará a reeleição do atual governo do PT. | Denuncie |

Autor: LEONARDO SILVA
E mais gente se ferindo e morrendo nessas carroças chamadas carros. Saudades do Collor, afinal ele quem intitulou que andavamos em carroças, e de lá para cá muita coisa melhorou em termos de tecnologia, mas pena que não na proporção do tempo. | Denuncie |

Autor: Túlio Coutinho
É por isso que eu não voto em mais ninguém nesse país. Todo governante que chega ao poder faz de tudo para permanecer onde chegou, até mesmo entregar à própria sorte milhões de brasileiros obrigados a comprar por preços absurdos carros de qualidade e segurança de terceiro mundo! Autoridades de lixo! | Denuncie |

Autor: josé medeiros
Agora ficou escancado: o Estado brasileiro prefere medidas de controle de que prerservação de vidas humanas! | Denuncie |

Autor: Moacyr Flávio Lima
Que país é esse! | Denuncie |

Autor: Marco franca
Vergonha!!!! A segurança da população que se dane. | Denuncie |

Autor: washington gomes
As vidas perdidas nas estradas não contam nada. País atrasado! | Denuncie |

Autor: Eduardo Boghossian
A política no Brasil historicamente sempre foi um balcão de negociatas. Agora a moeda mudou. São vidas em troca de votos. Falta saber quantos votos valem uma vida. | Denuncie |

Autor: RICARDO SILVA
Isso é uma vergonha, até quando iremos aturar este atraso tecnológico enquanto esses itens são obrigatórios há anos nos EUA e Europa aqui no Brasil, somos obrigado a conviver com essas covardias para manter o governo no poder. | Denuncie |

Comentar

Para comentar essa notícia entre com seu e-mail e senha

Caso você não tenha cadastro,
Clique aqui e faça seu cadastro gratuito.
Esqueci minha senha »
Termos de uso

Envie sua história e faça parte da rede de conteúdo dos Diários Associados.
Clique aqui e envie seu vídeo, foto, podcast ou crie seu blog. Manifeste seu mundo.