Economia
  • (2) Comentários
  • Votação:
  • Compartilhe:

BNDES anuncia investimentos de longo prazo para aeroportos de SP e Brasília Segundo informou a instituição, os recursos serão aplicados em obras de ampliação, modernização e de infraestrutura dos dois aeroportos

Agência Brasil

Publicação: 17/12/2013 17:10 Atualização:

Para o Aeroporto Internacional de Brasília, cuja concessionária é a Inframérica, serão destinados R$ 797,1 milhões (Paula Rafiza/Esp. CB/D.A Press)
Para o Aeroporto Internacional de Brasília, cuja concessionária é a Inframérica, serão destinados R$ 797,1 milhões

Rio de Janeiro – O Aeroporto Internacional de São Paulo/Guarulhos - Governador André Franco Montoro e o Aeroporto Internacional de Brasília - Presidente Juscelino Kubitschek vão receber financiamento de longo prazo do Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social, no valor total de R$ 4,27 bilhões. O anúncio da aprovação do empréstimo foi feito nesta terça-feira (17/12) pelo banco.

Segundo informou a instituição, os recursos serão aplicados em obras de ampliação, modernização e de infraestrutura dos dois aeroportos. Considerado o maior aeroporto brasileiro, Guarulhos vai receber financiamento no montante de R$ 3,48 bilhões, incluindo o empréstimo-ponte de R$ 1,2 bilhão já concedido no final de 2012 pelo banco à concessionária GRU Airport.

Para o Aeroporto Internacional de Brasília, cuja concessionária é a Inframérica, serão destinados R$ 797,1 milhões. O empréstimo-ponte concedido em dezembro do ano passado, no valor de R$ 488 milhões, será descontado quando ocorrer o primeiro desembolso do financiamento de longo prazo.

leia mais notícias em Economia

O BNDES informou que nos dois casos, as concessionárias destinarão parte dos empréstimos para a realização de investimentos sociais na área de influência das unidades, que alcançarão R$ 17,3 milhões, no Aeroporto Internacional de São Paulo/Guarulhos, e R$ 4 milhões no Aeroporto Internacional de Brasília.

O próximo financiamento de longo prazo que deverá ser aprovado pela instituição é para o Aeroporto Internacional de Viracopos/Campinas. O valor ainda não foi divulgado, mas vai incluir o empréstimo-ponte de R$ 1,192 bilhão, concedido à Concessionária Aeroportos Brasil Viracopos também em dezembro de 2012.

Esta matéria tem: (2) comentários

Autor: dimas moreira
Quando os consórcios se candidatam para as obras, apresentam dinheiro mais que suficiente. Depois, via governo, é o contribuinte que empresta o montante. Estranho esse círculo vicioso. Alguém pode explicar? | Denuncie |

Autor: Antonio Silva
Estive viajando por vários aeroportos dos EUA esse ano... Pra chegar naquele nível, não é "ampliando" os aeroportos brasileiros. Precisa é demolir, e construídos tudo DO ZERO. Brasil tem mania de querer "ampliar"(leia-se: fazer puxadinhos). | Denuncie |

Comentar

Para comentar essa notícia entre com seu e-mail e senha

Caso você não tenha cadastro,
Clique aqui e faça seu cadastro gratuito.
Esqueci minha senha »
Termos de uso

Envie sua história e faça parte da rede de conteúdo dos Diários Associados.
Clique aqui e envie seu vídeo, foto, podcast ou crie seu blog. Manifeste seu mundo.