Economia
  • (0) Comentários
  • Votação:
  • Compartilhe:

Paraguai aprova definitivamente entrada da Venezuela no Mercosul O protocolo de adesão da Venezuela ao bloco sul-americano foi aceito por 48 deputados pertencentes ao partido Colorado, do presidente Horacio Cartes, e um opositor votou contra

France Presse

Publicação: 18/12/2013 16:44 Atualização: 18/12/2013 18:08

A Câmara dos Deputados do Paraguai aprovou nesta quarta-feira (18/12) de forma definitiva o protocolo de adesão da Venezuela ao Mercosul, retirando também uma declaração de "persona non grata" que mantinha desde 2012 contra seu atual presidente Nicolás Maduro, informaram fontes parlamentares.

O protocolo de adesão da Venezuela ao bloco sul-americano foi aceito por 48 deputados pertencentes ao partido Colorado, do presidente Horacio Cartes, e um opositor votou contra. Trinta e um legisladores opositores deixaram a sala durante a votação.

O Senado já tinha aprovado a entrada de Caracas no bloco sul-americano.

A declaração de "persona non grata" contra Maduro tinha sido feita em 2012, quando o atual chefe de Estado era o chanceler do falecido presidente Hugo Chávez.

Maduro foi acusado de viajar a Assunção para tentar convencer a cúpula do Exército leal ao ex-presidente esquerdista Fernando Lugo a defendê-lo contra a sua destituição pelo Congresso, em 22 de junho do ano passado.

Leia mais notícias em Economia

A Venezuela já faz parte do Mercosul com o respaldo de Brasil, Argentina e Uruguai. O país foi admitido no dia 29 de junho de 2012 durante a cúpula de presidentes de Mendoza (oeste argentino), onde foi decidida também a suspensão do Paraguai do bloco, medida anulada depois da chegada de Cartes à Presidência.

O congresso paraguaio mantinha em suspenso a aprovação do protocolo de adesão da Venezuela desde 2006, alegando violações dos direitos humanos por parte do governo de Chávez.

O tratado do Mercosul obriga seus sócios fundadores (Argentina, Brasil, Uruguai e Paraguai) a aprovar a entrada de um sócio por meio de seus respectivos congressos.

Esta matéria tem: (0) comentários

Não existem comentários ainda

Comentar

Para comentar essa notícia entre com seu e-mail e senha

Caso você não tenha cadastro,
Clique aqui e faça seu cadastro gratuito.
Esqueci minha senha »
Termos de uso

Envie sua história e faça parte da rede de conteúdo dos Diários Associados.
Clique aqui e envie seu vídeo, foto, podcast ou crie seu blog. Manifeste seu mundo.