Economia
  • (0) Comentários
  • Votação:
  • Compartilhe:

Compra de caças militares suecos pelo Brasil é notícia ruim para a França A Dassault Aviation, que tinha ação em queda nesta quinta-feira na Bolsa de Paris, espera concretizar um acordo com a Índia que foi anunciado em 2012

Publicação: 19/12/2013 10:00 Atualização:

Modelo do sueco Saab Gripen F, em voo na Suíça  (Michael Bulholze/ Reuters )
Modelo do sueco Saab Gripen F, em voo na Suíça

O ministro das Relações com o Parlamento, Alain Vidalies, chamou de notícia ruim para a França a decisão do Brasil de comprar caças militares suecos Gripen, ao invés dos franceses Rafale. Mas o ministro da Defesa francês, Jean-Yves Le Drian, afirmou que espera resultados a curto prazo no "objetivo prioritário" do país: a venda de caças da Dassault Aviation para a Índia.

Depois de lamentar a "notícia ruim para a França", Vidalies também afirmou que "resta o mercado da Índia, o que será suficiente" para garantir o equilíbrio financeiro previsto pela lei de programação militar francesa.

Leia mais notícias em Economia

A Dassault Aviation, que tinha ação em queda nesta quinta-feira (19/12) na Bolsa de Paris, espera concretizar um acordo com a Índia que foi anunciado em 2012.

O grupo francês segue em negociações com Nova Délhi para a venda de 126 aeronaves, das quais 108 serão montadas por empresa indianas.

O Brasil anunciou na quarta-feira (18/12) a opção pelo caça sueco Gripen NG, ao invés do Rafale francês e do F/A-18 Super Hornet americano, para um contrato de compra de 36 aeronaves avaliado em 4,5 bilhões de dólares.

Esta matéria tem: (0) comentários

Não existem comentários ainda

Comentar

Para comentar essa notícia entre com seu e-mail e senha

Caso você não tenha cadastro,
Clique aqui e faça seu cadastro gratuito.
Esqueci minha senha »
Termos de uso

Envie sua história e faça parte da rede de conteúdo dos Diários Associados.
Clique aqui e envie seu vídeo, foto, podcast ou crie seu blog. Manifeste seu mundo.