publicidade

Dilma quer Google e Facebook na mira de fisco e direitos autorais

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

- AMIGO + AMIGOS

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

CORREÇÃO:

postado em 09/02/2014 16:47 / atualizado em 09/02/2014 16:58

O cerco de países europeus à farra fiscal de empresas de tecnologia como Google e Facebook inspirou nossa Receita Federal a criar força tarefa para investigar as operações das gigantes tech no Brasil. A devassa é ordem da presidente Dilma aos ministros Guido Mantega (Fazenda) e Paulo Bernardo (Comunicações). A presidente quer submeter as marcas também a legislação que as obrigue a pagar direitos autorais. A informação é do jornal O Globo.

As empresas estão no topo da lista dos maiores sonegadores de impostos do país, ainda de acordo com a publicação carioca. O Google é o segundo faturamento em publicidade no Brasil - essas marcas venderiam aqui e receberiam em paraísos fiscais. E lucrariam ao atuar fora da lei que rege os concorrentes.

Informes produzidos pela área econômica estimariam que o Google recebeu no Brasil, no ano passado, mais de R$ 3 bilhões em publicidade. A maior parte dos serviços prestados por essas empresas são pagos com cartões internacionais e não aparecem no balanço das subsidiárias brasileiras. A única receita é o IOF dos clientes.

publicidade

Tags:

publicidade