Economia
  • (0) Comentários
  • Votação:
  • Compartilhe:

Departamento do Tesouro americano toma medidas de emergência "Peço ao Congresso para proteger o crédito dos Estados Unidos e evitar consequências potencialmente catastróficas se não elevar o teto da dívida a tempo", escreveu Jacob Lew

France Presse

Publicação: 10/02/2014 19:51 Atualização:

O departamento do Tesouro norte-americano anunciou nesta segunda-feira (10/2) que, como estava previsto, adotou medidas de financiamento excepcionais na ausência de uma ampliação do limite da dívida pelo Congresso.

"Peço ao Congresso para proteger o crédito dos Estados Unidos e evitar consequências potencialmente catastróficas se não elevar o teto da dívida a tempo", escreveu Jacob Lew, secretário do Tesouro, em uma carta ao Congresso enviada na segunda-feira.

Leia mais notícias em Economia

Em suspenso depois do compromisso orçamentário de meados de outubro, o teto da dívida norte-americano foi atingido na sexta-feira e deve, como consequência, ser elevado pelo Congresso para permitir que o Estado possa contrair nova dívida para enfrentar suas obrigações financeiras.

A fim de ampliar sua margem de manobra, o Tesouro renunciará a partir desta segunda-feira a investir em dois fundos de aposentadorias de funcionários da administração, informou Lew. Essas medidas - que alcançam cerca de 175 bilhões de dólares - permitirão ao Estado funcionar até 27 de fevereiro sem ter que emitir nova dívida.

Somente o Congresso tem a prerrogativa de autorizar um aumento do endividamento, que já tinha sido objeto de um bloqueio em outubro passado, gerando temores de um default parcial dos Estados Unidos.

Esta matéria tem: (0) comentários

Não existem comentários ainda

Comentar

Para comentar essa notícia entre com seu e-mail e senha

Caso você não tenha cadastro,
Clique aqui e faça seu cadastro gratuito.
Esqueci minha senha »
Termos de uso

Envie sua história e faça parte da rede de conteúdo dos Diários Associados.
Clique aqui e envie seu vídeo, foto, podcast ou crie seu blog. Manifeste seu mundo.

PUBLICIDADE



  • Últimas notícias
  • Mais acessadas