publicidade

CMN reabre prazo para agricultores familiares renegociarem dívidas

O pagamento pode ser feito em até dez parcelas anuais, com taxa efetiva de juros de 2% ao ano

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

- AMIGO + AMIGOS

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

CORREÇÃO:

postado em 10/02/2014 20:14

Agência Brasil

O Conselho Monetário Nacional (CMN) reabriu o prazo para renegociação de dívidas do Programa Nacional de Fortalecimento da Agricultura Familiar (Pronaf). O prazo para pedir a renegociação havia terminado em 15 de outubo do ano passado. Agora, a adesão pode ocorrer até 30 de junho, e a formalização da operação, até 15 de outubro deste ano. A decisão foi tomada em reunião extraordinária na última sexta-feira (7/2) e divulgada nesta segunda-feira (10/2).

A oportunidade de renegociação abrange dívidas de até R$ 30 mil por agricultor familiar. O pagamento pode ser feito em até dez parcelas anuais, com taxa efetiva de juros de 2% ao ano. Para operações contratadas entre fevereiro e outubro de 2014, o vencimento da primeira parcela será em 2015.

Leia mais notícias em Economia

A medida faz parte de uma série de ações do governo federal para ajudar pequenos agricultores com dificuldades para honrar os compromissos. Em dezembro, o CMN aprovou descontos de 65% a 80% para agricultores familiares interessados em quitar as dívidas.

publicidade

Comentários Os comentários não representam a opinião do jornal;
a responsabilidade é do autor da mensagem.

publicidade