Economia
  • (6) Comentários
  • Votação:
  • Compartilhe:

De cada dez jovens, seis terão velhice difícil por não pouparem dinheiro Trabalhadores não se dão conta do risco de o benefício da Previdência ser menor do que imaginam, o que torna indispensável poupar

Bárbara Nascimento

Guilherme Araújo

Publicação: 16/02/2014 08:00 Atualização:

'Achei que teria uma aposentadoria maior. O que ganho é muito pouco para sobreviver', diz Alpino Ribeiro dos Santos, aposentado (Paula Rafiza/Esp. CB/D.A Press)
'Achei que teria uma aposentadoria maior. O que ganho é muito pouco para sobreviver', diz Alpino Ribeiro dos Santos, aposentado


Aos 65 anos e recém-aposentado, Alpino Ribeiro dos Santos não esconde a frustração ao falar do salário mínimo que, todos os meses, entra na sua conta bancária. Ele atuou, paralelamente, como contador e produtor rural por mais de 30 anos e alternou fases com carteira assinada e como trabalhador informal. No total, contribuiu 22 anos e oito meses à Previdência Social. Em alguns momentos, chegou a pagar a cota máxima sobre 10 salários mínimos. Já na terceira idade, na hora de fazer as contas, surpreendeu-se: o Instituto Nacional do Seguro Social (INSS) deu a ele o direito de receber o piso do benefício, hoje de R$ 724.


Leia mais notícias em Economia

 

“Com esse período todo de contribuição, achei que teria uma aposentadoria maior. O que ganho é muito pouco para sobreviver”, lamenta Alpino. Ele não tem esposa nem filhos. Vive sozinho numa área de chácaras no Núcleo Bandeirante, emprestada pelo governo aos produtores rurais. Lá, planta de tudo, principalmente verduras. Antes, comercializava a safra inteira. Agora, muita coisa se perde, pois não dá conta de pagar um ajudante para a colheita. “Um trabalhador rural cobra entre R$ 80 e R$ 100 por dia. Não consigo pagar. Uma roçadeira custa R$ 2,5 mil (ao mês). Além disso, a minha saúde não me permite mais acompanhar de perto a atividade”, conta ele, que sofre de labirintite.

A matéria completa está disponível aqui, para assinantes. Para assinar, clique aqui.

Esta matéria tem: (6) comentários

Autor: LUIZ SILVA
O poder da mídia, as facilidades para comprar/endividar é grande. Se para as pessoas de meia idade já fica difícil economizar imagine para os jovens. | Denuncie |

Autor: José Júnior
E sobra pra poder poupar? Ridículo! Na carestia em que vivemos custamos a dar conta das despesas pra sobreviver no dia a dia e vem falar de "poupar" para a velhice. Autônomos então não pagam nem o INSS. Se não mamar do Estado neste país vai mesmo passar é fome na velhice. | Denuncie |

Autor: Alvaro Brito
Tem que criar o bolsa aposentadoria! | Denuncie |

Autor: waldir silva
Cada um colhe o que planta. | Denuncie |

Autor: jose lima
Também sou aposentado | Denuncie |

Autor: renato
Nossos governantes adotam políticas públicas que levam ao empobrecimento da população, que dependerá cada vez mais de bolsas e programas de governo. | Denuncie |

Comentar

Para comentar essa notícia entre com seu e-mail e senha

Caso você não tenha cadastro,
Clique aqui e faça seu cadastro gratuito.
Esqueci minha senha »
Termos de uso

Envie sua história e faça parte da rede de conteúdo dos Diários Associados.
Clique aqui e envie seu vídeo, foto, podcast ou crie seu blog. Manifeste seu mundo.



  • Últimas notícias
  • Mais acessadas