Economia
  • (0) Comentários
  • Votação:
  • Compartilhe:

Empresa 'TIM' deve investir mais de R$ 11 bilhões no Brasil até 2016 Presidente da companhia afirmou que o Brasil é um mercado prioritário

Agência Brasil

Publicação: 18/02/2014 14:13 Atualização:

O presidente da Telecom Itália, Marco Patuano, disse nesta terça-feira (18/2) que a TIM vai investir mais de R$ 11 bilhões no Brasil até 2016 e tem interesse em participar de leilões no setor. A Telecom Italia controla a operadora de telefonia móvel. “Temos interesse nas novas frequências no dia em que estiverem disponíveis. O Brasil é um mercado prioritário”, afirmou. Segundo ele, a empresa vai investir no país, em 2014, R$ 4 bilhões.

Leia mais notícias em Economia


Sobre os rumores de uma possível venda da TIM, Patuano disse que “neste momento não há nenhuma oferta ou discussão”. “Nunca vi uma situação na qual uma companhia que está sendo fechada vai aumentar os investimentos. Ano passado, aumentamos os investimentos em R$ 500 milhões e este ano vamos aumentar os investimentos”, disse o presidente da Telecom Italia, após reunião com o ministro das Comunicações, Paulo Bernardo.

Com relação a uma possível fusão entre a TIM e a GVT, Patuano disse que há muita especulação sobre esse tema. “São duas companhias que têm posições complementares. A TIM é uma companhia muito boa que faz telefonia móvel e a GVT é uma ótima companhia que faz telefonia fixa. Então há possibilidade de fazer uma especulação que isso seria uma combinação ótima. Porém, neste momento não estamos falando [sobre uma eventual negociação]”, disse o presidente da Telecom Italia.

Esta matéria tem: (0) comentários

Não existem comentários ainda

Comentar

Para comentar essa notícia entre com seu e-mail e senha

Caso você não tenha cadastro,
Clique aqui e faça seu cadastro gratuito.
Esqueci minha senha »
Termos de uso

Envie sua história e faça parte da rede de conteúdo dos Diários Associados.
Clique aqui e envie seu vídeo, foto, podcast ou crie seu blog. Manifeste seu mundo.

PUBLICIDADE



  • Últimas notícias
  • Mais acessadas