publicidade

Álvaro Dias se reúne a Policiais Federais em Encontro do Elefante Branco

Segundo o senador do PSDB-DF, há apenas uma razão para que o governo "desdenhe" da PF, é o receio de que eles podem levar para a Papuda outros mensaleiros

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

- AMIGO + AMIGOS

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

CORREÇÃO:

postado em 12/03/2014 16:16 / atualizado em 12/03/2014 16:20

Vera Batista

O senador Álvaro Dias (PSDB-RS) se juntou aos policias federais acampados em frente ao Ministério da Justiça na tarde desta quarta-feira (12/3). Dias diz que não está em nome do PSDB, mas como político em defesa da PF. "O governo precisa ouvir a Polícia Federal ou pode sofrer uma derrota nas urnas", disse.

Segundo o senador, "há apenas uma razão para que o governo desdenhe uma instituição como a PF, e essa razão é o receio de que os profissionais motivados possam investigar o próprio governo, que não quer um profissional valorizado. Motivados e bem qualificados, eles podem levar para a Papuda outros mensaleiros".

Leia mais notícias em Economia


O presidente do Sindicato dos Policiais Federais no DF (Sindipol) Flávio Werneck, pediu que Dias faça uma comissão de senadores para intermediar o pleito da Polícia Federal, em busca de uma resolução.

Sobre a Copa do Mundo de 2014, o senador disse que o governo obedece todas as regras da Fifa e até muda a legislação e as normas brasileiras. "Nem sempre o governo obedece aos pleitos que atendem à sociedade brasileira", criticou.

publicidade

Comentários Os comentários não representam a opinião do jornal;
a responsabilidade é do autor da mensagem.

publicidade