Economia
  • (1) Comentários
  • Votação:
  • Compartilhe:

Planos de saúde devem subir até 15% em maio, prevê reajuste da ANS No total, 9,8 milhões de usuários pagarão mais caro para ter assistência à saúde privada. As empresas do setor reivindicam aumentos que variam de 14% a 15%

Rosa Falcão

Publicação: 17/04/2014 08:48 Atualização:

Prepare os bolsos, porque vêm por aí novos aumentos que vão mexer no orçamento familiar. A definição do reajuste anual dos planos de saúde — individuais e familiares — está em reta final, na Agência Nacional de Saúde Suplementar (ANS). No total, 9,8 milhões de usuários pagarão mais caro para ter assistência à saúde privada. As empresas do setor reivindicam aumentos que variam de 14% a 15%. O argumento é a alta dos custos do financiamento da saúde. Em 2013, a ANS autorizou o reajuste de 9,04%, superior à inflação de 5,91% medida pelo Índice de Preço ao Consumidor Amplo (IPCA).

Para chegar ao percentual, os técnicos da agência reguladora utilizam como parâmetro a média dos reajustes dos planos coletivos superiores a 30 vidas. A ANS informou ontem que a área técnica ainda não definiu o índice de 2014. Quando o pacote fechar, será enviado ao Ministério da Fazenda para bater o martelo.

Leia mais notícias em Economia

A matéria completa está disponível aqui, para assinantes. Para assinar, clique aqui.

Esta matéria tem: (1) comentários

Autor: albertani souza
e o mínimo hein, só cinquentinha? não seremos nunca um país de primeiro mundo. | Denuncie |

Comentar

Para comentar essa notícia entre com seu e-mail e senha

Caso você não tenha cadastro,
Clique aqui e faça seu cadastro gratuito.
Esqueci minha senha »
Termos de uso

Envie sua história e faça parte da rede de conteúdo dos Diários Associados.
Clique aqui e envie seu vídeo, foto, podcast ou crie seu blog. Manifeste seu mundo.



  • Últimas notícias
  • Mais acessadas