publicidade

Lavoura e pecuária devem gerar mais de R$ 450 bilhões ainda em 2014

Aumento é 2,4% superior ao valor de 2013 e 0,96% maior do que o indicador projetado. A lavoura deve ser a responsável por 66% dessa receita

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

- AMIGO + AMIGOS

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

CORREÇÃO:

postado em 13/05/2014 16:35

Agência Brasil

O Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento divulgou hoje (13) o novo ajuste do Valor Bruto da Produção Agropecuária (VBP). A estimativa da renda a ser gerada em 2014 pelas principais lavouras e rebanhos, tendo como referência abril, é R$ 450,5 bilhões, 2,4% superior ao valor de 2013 e 0,96% maior do que o indicador projetado, tendo como referência março deste ano. Do total, a receita proveniente das lavouras representa 66%, e a originária da pecuária, 34%. O VBP das lavouras deve ter aumento de 3,8% em relação a 2013. Os produtos que puxaram a alta da renda foram mamona (estimativa de receita 308% maior na comparação com o ano passado), algodão (69,7%), pimenta-do-reino (28,5%), laranja (27,9%), batata-inglesa (23,8%), cacau (15,1%), café em grão (11,9%) e banana (11,9%). Em outro sentido, houve retração de 44,1% nos cálculos de ganhos com a cebola e de 20% na receita relacionada à soja em grão. Com relação à pecuária, o VBP deve ter ligeira retração de 0,3%. A estimativa de renda com bovinos e suínos cresceu ante 2013, respectivamente 17,2% e 9,7%. No entanto, houve queda nas projeções relativas aos ovos (25,5%), frango (16,8%) e leite (4,8%). O VBP é uma estimativa da geração de renda no meio rural, e tem sua previsão atualizada mês a mês pelo Ministério da Agricultura, com base em levantamentos de safra divulgados pela Companhia Nacional de Abastecimento e pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística.

publicidade

Tags:
Comentários Os comentários não representam a opinião do jornal;
a responsabilidade é do autor da mensagem.

publicidade