publicidade

Dilma anuncia a prorrogação da desoneração da folha de pagamentos

Atualmente, 56 setores estão contemplados, continuarão com o benefício que expiraria em 31 de dezembro deste ano prorrogado de forma permanente

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

- AMIGO + AMIGOS

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

CORREÇÃO:

postado em 27/05/2014 18:19 / atualizado em 27/05/2014 20:22

Rosana Hessel

A presidente Dilma Rousseff esteve reunida nessa segunda-feira (26/5) com 35 empresários e representantes de entidades patronais e anunciou que o governo vai prorrogar a desoneração da folha de pagamentos que atualmente representa uma renúncia fiscal de R$ 21,6 bilhões para os cofres da União.
 

Atualmente, 56 setores estão contemplados e 55 devrão continuar de forma permanente com o benefício que expiraria em 31 de dezembro deste ano. A medida desobriga a contribuição empresarial de 20% dos salários dos trabalhadores para a Previdência Social e a companhia passa a recolher de 1% a 2% do faturamento, dependendo do setor. “A reunião foi excelente. Essa prorrogação é fundamental para o setor e para as exportações”, disse o vice-Presidente Executivo de Negócio de Defesa e Segurança  da Embraer, Jackson Schneider. Ele não especificou se essa prorrogação valerá para todos os setores.

publicidade

Comentários Os comentários não representam a opinião do jornal;
a responsabilidade é do autor da mensagem.

publicidade