publicidade

Ministros das finanças da UE apoiam entrada da Lituânia no bloco

Com a decisão dos ministros, falta, agora, o aval formal dos líderes europeus

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

- AMIGO + AMIGOS

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

CORREÇÃO:

postado em 20/06/2014 10:35

Agência Brasil

Os ministros das Finanças da União Europeia (UE) apoiaram nesta sexta-feira (20/6) a entrada da Lituânia na zona do euro a partir de janeiro de 2015. A decisão, tomada durante a reunião do conselho de titulares das pastas de finanças que ocorre em Luxemburgo, segue a recomendação da Comissão Europeia.

Leia mais notícias em Economia

Os ministros analisaram os relatórios de convergência elaborados pela comissão e pelo Banco Central Europeu que recomendam aos chefes de Estado e de Governo da UE a entrada do país báltico. Pelos documentos, a Lituânia cumpre os requisitos para aderir à moeda única.

Com a decisão dos ministros, falta, agora, o aval formal dos líderes europeus. A expectativa é que a autorização seja oficializada na próxima semana, durante a reunião do Conselho Europeu marcada para os dias 26 e 27 de junho. A partir desse aval, a Lituânia poderá participar, a partir de setembro, como observadora nas reuniões do Eurogrupo e se tornará o 19° país da zona do euro no dia 1° de janeiro do próximo ano.

Atualmente, o grupo de países da moeda única é foramado por Áustria, Bélgica, Chipre, Eslováquia, Eslovênia, Espanha, Estônia, Finlândia, França, Grécia, Holanda, Irlanda, Itália, Letônia, Luxemburgo, Malta e Portugal.

publicidade

Tags:
Comentários Os comentários não representam a opinião do jornal;
a responsabilidade é do autor da mensagem.

publicidade