publicidade

Desemprego sobe em três regiões metropolitanas de junho para julho

No Recife, a taxa subiu de 6,2% em junho para 6,6%, no Rio de Janeiro, o índice subiu de 3,2% para 3,6% e em Belo Horizonte passou de 3,9% para 4,1%

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

- AMIGO + AMIGOS

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

CORREÇÃO:

postado em 21/08/2014 10:02 / atualizado em 21/08/2014 11:41

Agência Brasil

A taxa de desemprego medida pela Pesquisa Mensal de Emprego (PME), do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), subiu em três das quatro regiões metropolitanas do país, na passagem de junho para julho. No Recife, a taxa subiu de 6,2% em junho para 6,6% em julho, de acordo com dados divulgados nesta quinta-feira (21/8) pelo IBGE.

Mais duas capitais com aumento da taxa de desemprego foram o Rio de Janeiro (cujo índice subiu de 3,2% para 3,6%) e Belo Horizonte (que passou de 3,9% para 4,1%). Apenas a região metropolitana de São Paulo teve queda na taxa, ao passar de 5,1% para 4,9%.

Leia mais notícias em Economia

Na comparação com julho do ano passado, no entanto, houve queda no índice de desemprego nas quatro regiões metropolitanas pesquisadas.

Devido à greve dos servidores do IBGE, as taxas de desemprego de Salvador e Porto Alegre ainda não estão disponíveis, por isso, não é possível calcular a média nacional da PME (feita com base nas seis regiões metropolitanas).

publicidade

publicidade