publicidade

Taxa de desemprego na Grande São Paulo fica estável em julho, diz Dieese

Número de desempregados na região metropolitana de São Paulo foi estimado em 1,257 milhão de pessoas em julho, 22 mil a mais do que no mês anterior

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

- AMIGO + AMIGOS

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

CORREÇÃO:

postado em 27/08/2014 14:50

Agência Brasil

A taxa de desemprego manteve-se relativamente estável em julho na região metropolitana de São Paulo, variando de 11,3% em junho para 11,4% em julho. O dado é da Pesquisa de Emprego e Desemprego divulgada nesta quarta-feira (27/8) pelo Departamento Intersindical de Estatística e Estudos Socioeconômicos (Dieese) e pela Fundação Sistema Estadual de Análise de Dados (Seade). Em julho de 2013, a taxa de desemprego era 11%. Segundo o Dieese, é o quarto mês consecutivo em que a taxa mantém estabilidade.

Leia mais notícias em Economia

O número de desempregados na região metropolitana de São Paulo foi estimado em 1,257 milhão de pessoas em julho, 22 mil a mais do que no mês anterior. Já a população economicamente ativa foi estimada em 11,028 milhões em julho.

O nível de ocupação cresceu 0,8% e o contingente de ocupados foi estimado em 9,771 milhões de pessoas. Segundo a pesquisa, o crescimento se deu pelo aumento nos setores de comércio e reparação de veículos automotores e motocicletas (mais 100 mil postos de trabalho) e na construção (geração de 35 mil postos), embora os setores de serviços (com menos 46 mil postos) e a indústria de transformação (com redução de 7 mil postos de trabalho) tenham apresentado queda.

O rendimento médio dos trabalhadores ocupados na região caiu 2% entre maio e junho, alcançando R$ 1.869 em média. Já o rendimento médio dos assalariados diminuiu 0,9%, totalizando R$ 1.873 em média.

publicidade

Comentários Os comentários não representam a opinião do jornal;
a responsabilidade é do autor da mensagem.

publicidade