SIGA O
Correio Braziliense

publicidade

Taxas futuras de juros amanhece com forte queda em reação ao Copom

Às 9h34, o DI para janeiro de 2017 exibia 13,717%, de 13,602% no ajuste anterior

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

- AMIGO + AMIGOS
Preencha todos os campos.

postado em 20/10/2016 10:29

Agência Estado

A reação é de forte queda nos juros futuros ao corte de 0,25 ponto porcentual da Selic e ao comunicado do Copom. "A curva de juros está reagindo 100% ao Copom. É um ajuste racional, uma vez que muitos esperavam que o corte poderia ser mais agressivo", comentou o sócio da Laic-HFM Vitor Carvalho.

Às 9h34, o DI para janeiro de 2017 exibia 13,717%, de 13,602% no ajuste anterior. O DI para janeiro de 2018 exibia 12,11%, de 11,92%, enquanto o vencimento para janeiro de 2021 estava em 11,14%, de 11,09% no ajuste anterior.

Leia mais notícias em Economia


Mais cedo foi divulgado o Índice de Atividade Econômica do Banco Central (IBC-Br), que ficou em segundo plano. O IBC-Br caiu 0,91% em agosto ante julho, ficando dentro do intervalo projetado (-2,17% a -0,20%) e praticamente em cima da mediana esperada (-0,90%).

publicidade

Comentários Os comentários não representam a opinião do jornal;
a responsabilidade é do autor da mensagem.

publicidade