SIGA O
Correio Braziliense

publicidade

Inadimplência do consumidor cresce 4,8% em outubro, revela Boa Vista SCPC

Na divisão por regiões, a maior elevação, na margem, ocorreu no Sul (9,5%)

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

- AMIGO + AMIGOS
Preencha todos os campos.

postado em 11/11/2016 11:22


A inadimplência do consumidor subiu 4,8% em outubro ante setembro, com ajuste sazonal, informou a Boa Vista SCPC nesta sexta-feira (11/11). Em relação ao décimo mês de 2015, a elevação foi de 6,4%. No acumulado em 12 meses, comparado com os 12 meses anteriores, atingiu alta de 2,2%. E, no ano, o indicador acumula alta de 0,8% frente ao mesmo período de 2015.

Na divisão por regiões, a maior elevação, na margem, ocorreu no Sul (9,5%). Em seguida, apareceu o Sudeste (5,9%) e o Nordeste (4,9%). Centro-Oeste e Norte apresentaram recuo na inadimplência em outubro ante setembro, de 3,7% e de 1,7%, respectivamente.

Leia mais notícias em Economia


Na avaliação da Boa Vista SCPC, o fluxo de inadimplência permanece praticamente estável, perspectiva que deve ser mantida ate meados de 2017. Segundo a instituição, em nota, a cautela do consumidor, a fraca atividade econômica e a diminuição do endividamento das famílias têm compensado os fatores macroeconômicos que pressionam negativamente o orçamento privado, como a inflação alta, o aumento do desemprego e a diminuição da renda.

O indicador de registro de inadimplência é elaborado a partir da quantidade de novos registros de dívidas vencidas e não pagas informados à Boa Vista pelas empresas credoras. Em virtude da Lei Estadual de São Paulo nº 15.659/2015, a partir de setembro do ano passado passou-se a usar como referência para o Estado o número de cartas de notificação enviadas aos consumidores, em vez dos números de débitos ativos na base do SCPC.

Por Agência Estado

publicidade

Comentários Os comentários não representam a opinião do jornal;
a responsabilidade é do autor da mensagem.

publicidade