Prévia da inflação de abril fica abaixo do centro da meta em 12 meses

Nesse período, o Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo 15 (IPCA-15) registrou alta de 4,41%. É o menor resultado para períodos acumulados de um ano desde janeiro de 2010. Desempenho confirma expectativa do mercado de que o indicador oficial também ficará abaixo dos 4,5%

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

- AMIGO + AMIGOS
Preencha todos os campos.

postado em 20/04/2017 09:41

A inflação acumulada em 12 meses atingiu o patamar abaixo do centro da meta estabelecido pelo Conselho Monetário Nacional (CMN), de 4,5%. Pelo menos é o que aponta a prévia do indicador oficial de carestia, o Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo 15 (IPCA-15). Em abril, a taxa cravou em 4,41%. É a menor variação em períodos acumulados de um ano desde janeiro de 2010.


O resultado confirma a expectativa do mercado de que a inflação oficial de abril, que só será divulgada no início de maio, ficará abaixo do centro da meta no acumulado em 12 meses. A variação do mês nessa prévia, de 0,21%, também aponta para um desempenho favorável dos preços. É o menor nível para meses de abril, segundo o IPCA-15, desde 2006.

A desaceleração da inflação foi beneficiada pelos gastos com artigos de residência, que recuaram, em média, 0,43%. Também ajudaram a conter os preços as despesas com transportes, que caíram 0,44%. Já os custos com alimentos e bebidas, no entanto, pressionaram o indicador. Em média, os custos com alimentação subiram 0,21%.
Comentários Os comentários não representam a opinião do jornal;
a responsabilidade é do autor da mensagem.