Jucá: Temer encaminhou aos senadores uma carta sobre reforma trabalhista

Segundo o líder do governo no Senado, Temer afirma na carta que o governo vai agregar todas as contribuições e ajustes em uma medida provisória que será editada após a aprovação do projeto no Senado

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

- AMIGO + AMIGOS
Preencha todos os campos.

postado em 28/06/2017 17:35

O líder do governo no Senado, Romero Jucá (PMDB-RR), iniciou a sessão de debate sobre a reforma trabalhista na Comissão de Constituição e Justiça (CCJ) dizendo que o presidente Michel Temer enviou carta a todos os senadores reafirmando o compromisso de que eventuais ajustes da Casa ao projeto serão feitos pelo Palácio do Planalto.

 

Leia mais notícias em Economia 


Segundo Jucá, Temer afirma na carta que o governo vai agregar todas as contribuições e ajustes em uma medida provisória que será editada após a aprovação do projeto no Senado. "Quero aqui reafirmar o compromisso com os pontos necessários e que o ajuste será assumido pelo governo se esta for a decisão final do Senado", diz Temer na carta aos senadores.

Jucá disse ainda que já apresentou parecer contrário às 217 emendas e aos seis votos em separado apresentados desde a manhã desta quarta.

Comentários Os comentários não representam a opinião do jornal;
a responsabilidade é do autor da mensagem.