Saque das contas inativas do FGTS é prorrogado até o fim de 2018

O prazo vale para quem não conseguiu comparecer pessoalmente até a próxima segunda

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

- AMIGO + AMIGOS
Preencha todos os campos.

postado em 26/07/2017 21:02 / atualizado em 26/07/2017 21:19

Os saques das contas inativas do Fundo de Garantia por Tempo de Serviço (FGTS) foram prorrogados até dezembro de 2018. O decreto com a medida foi assinado nesta quarta-feira (26/7) pelo presidente da República, Michel Temer. O prazo vale para quem não conseguiu comparecer pessoalmente até a próxima segunda (31), quando terminava o período para o saque.



Leia mais notícias em Economia

“Nos casos de comprovada impossibilidade de comparecimento pessoal do titular da conta vinculada do FGTS para solicitação de movimentação de valores, o cronograma (...) não poderá exceder a data de 31 de dezembro de 2018”, informou o decreto. A decisão entra em vigor na data de publicação.

 

Até o último balanço divulgado 14 de julho, cerca de 5,4 milhões de trabalhadores ainda não haviam retirado o dinheiro. A Caixa anunciou também que já haviam sido pagos R$ 41,8 bilhões. O valor equivale a 96% do total disponível (R$ 43,6 bilhões) e foram retirado por 24,8 milhões de trabalhadores nascidos entre janeiro e novembro — ao todo, 30,2 milhões de trabalhadores têm direito ao benefício.
 

Distrito Federal

Mais de 415 mil trabalhadores do Distrito Federal já sacaram os recursos das contas inativas liberados, o valor injetado na economia ultrapassa os R$ 739 milhões. Nessa etapa, R$ 65 milhões estão disponíveis para mais de 42 mil serão beneficiados.


 

Comentários Os comentários não representam a opinião do jornal;
a responsabilidade é do autor da mensagem.