Para Maia, pela liderança de Temer, o Brasil começa a mudar

Ao participar de evento da Federação Nacional da Distribuição de Veículos Automotores (Fenabrave) em São Paulo, Maia fez uma forte defesa às reformas econômicas do governo

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

- AMIGO + AMIGOS
Preencha todos os campos.

postado em 08/08/2017 14:09

O presidente da Câmara, Rodrigo Maia (DEM-RJ), disse nesta terça-feira (8/8), que, "pela liderança do presidente da República, Michel Temer, e de líderes do Congresso", o Brasil começa a mudar e poderá ter um "futuro melhor que o presente que recebemos".


Ao participar de evento da Federação Nacional da Distribuição de Veículos Automotores (Fenabrave) em São Paulo, Maia fez uma forte defesa às reformas econômicas do governo. Depois de reconhecer que a aprovação da reforma da Previdência é difícil e que muitos deputados se sentem pressionados "pelo discurso fácil da esquerda", declarou que é preciso combater esse discurso que, para ele, gerou 14 milhões de desempregados.

Em tom mais exaltado, Maia afirmou ainda que "a pauta da Câmara é, sim, pró-mercado, pró-geração de emprego e pró-segurança jurídica". Quis esclarecer, no entanto, quando fala de mercado, não se refere ao mercado financeiro, mas sim ao mercado de trabalho.

Quando comentou a reforma tributária, o parlamentar disse que o objetivo de curto prazo é simplificar o sistema tributário, mas que, no médio e longo prazo, a ideia é reduzir o tamanho do Estado.

 

Leia mais notícias em Economia


Maia também criticou a política de concessão de crédito do BNDES, ao ressaltar que se trata de um privilégio do setor privado. "O crédito é caro e inviabiliza negócios", declarou.

Além disso, o deputado afirmou que o Brasil, ao longo dos últimos 10 anos, por meio de gastos que resultaram em déficits fiscais, "vem tirando R$ 300 bilhões da sociedade". "Nosso desafio é garantir equilíbrio fiscal forte", afirmou.

 

Tags: temer maia
Comentários Os comentários não representam a opinião do jornal;
a responsabilidade é do autor da mensagem.