Cronograma de saques do PIS/Pasep será divulgado nesta quinta-feira

Expectativa do governo é injetar R$ 15,9 bilhões na economia, destravando o consumo das famílias

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

- AMIGO + AMIGOS
Preencha todos os campos.

postado em 28/09/2017 14:45 / atualizado em 28/09/2017 15:56

José Cruz/Agencia Brasil

 
O cronograma dos saques das contas inativas do Programa Integração Social (PIS) e do Programa de Formação do Patrimônio do Servidor Público (Pasep) será divulgado nesta quinta-feira (28/9). A ação é mais uma medida no intuito de destravar o consumo. A expectativa é de que sejam injetados R$ 15,9 bilhões, que serão pagos para 7,8 milhões de idosos. Os resgates deverão começar até a primeira quinzena de outubro.
 

A previsão dos saques estava definido desde o último mês, quando o ministro do Planejamento, Dyogo Oliveira, antecipou os objetivos do governo em liberar os recursos. Hoje, ele participa de reunião ministerial no Palácio do Planalto com os ministros da Fazenda, Henrique Meirelles, da Casa Civil, Eliseu Padilha, da Secretaria-Geral da Presidência, Moreira Franco, e com o presidente da República, Michel Temer. Também estarão presentes o presidente da Caixa Econômica Federal, Gilberto Occhi, e o líder do governo no Senado, senador Romero Jucá (PMDB-RR).

No encontro, será definido todo o processo de resgate dos recursos e o calendário para os saques. Jucá, Occhi, os auxiliares de Temer e o chefe do Executivo Federal estudam, ainda, a possibilidade de que os pagamentos sejam creditados diretamente na conta dos beneficiários. A ideia é que os depósitos sejam realizados não somente para os correntistas da Caixa e do Banco do Brasil, mas de quaisquer outras instituições financeiras. 

Terão direito ao saque apenas cotistas que contribuíram para o PIS ou Pasep até 4 de outubro de 1988, e que não tenham resgatado todos os recursos. Para trabalhadores do setor privado, os saques serão realizados pela Caixa. Os pagamentos para servidores públicos serão realizados pelo BB. Poderão sacar homens acima de 65 anos e mulheres com mais de 62 anos.
Comentários Os comentários não representam a opinião do jornal;
a responsabilidade é do autor da mensagem.