Mercado espera que o governo feche 2017 com as contas dentro da meta fiscal

O resultado vem com a melhora da receita líquida, que aumentou de R$ 1,134 bilhão para R$ 1,140 bilhão

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

- AMIGO + AMIGOS
Preencha todos os campos.
De acordo com o Prisma Fiscal de outubro, o mercado prevê que as contas públicas terminem 2017 dentro da meta fiscal, de um déficit de até R$ 159 bilhões. Analistas consultados diminuíram as projeções de setembro, de R$ 159 bilhões, para R$ 158,4 bilhões.

O resultado vem com a melhora da receita líquida, que aumentou de R$ 1,134 bilhão para R$ 1,140 bilhão. Apesar disso, a expectativa de arrecadação diminuiu de R$ 1,337 bilhão para R$ 1,335 bilhão. Na avaliação do mercado, o governo também deve gastar mais em 2017. A estimativa subiu de R$ 1,292 bilhão para R$ 1,296 bilhão.

O mercado também diminuiu a previsão de dívida pública, que ficou estimada em 75,44% do Produto Interno Bruto (PIB) em 2017, frente os 75,8% das projeções de setembro. 

Em 2018, a expectativa é de um resultado dentro do que o governo espera. Economistas reduziram de R$ 156,3 bilhões para R$ 155,6 bilhões as estimativas. O rombo do próximo ano é de até R$ 156 bilhões, segundo o governo. A dívida pública para 2018 diminuiu de 78,82% para 77,8%.
Comentários Os comentários não representam a opinião do jornal;
a responsabilidade é do autor da mensagem.