Assembleia-geral de credores da Oi foi adiada para 6 de novembro

A expectativa era de que o adiamento fosse para o dia 27 de novembro, mas o magistrado entendeu que deveria ser feito por apenas 15 dias

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

- AMIGO + AMIGOS
Preencha todos os campos.
O juiz Fernando Viana da 7ª Vara Empresarial do Rio de Janeiro decidiu pelo adiamento da assembleia-geral de credores da Oi, que ocorreria na próxima segunda-feira (23/10). A Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel) terá participação no dia “com direito de voz”. 
 
 
A expectativa era de que o adiamento fosse para o dia 27 de novembro, mas o magistrado entendeu que deveria ser feito por apenas 15 dias, “tempo que considero razoável para a conclusão das negociações”. “Adiar para a próxima data agendada, qual seja, 27/11, extrapolaria demais a data inicial prevista para a realização da Assembleia que era 9/10”, decidiu.

Segundo o juiz, o primeiro encontro será no dia 6 de novembro e, o segundo, 27 do próximo mês. 

Na decisão, Viana escreveu que a magnitude do processo nunca foi antes vista em termos de número de credores e valor da dívida. "A AGC [assembleia] será realizada em tempo que considero satisfatório", afirmou. 
Comentários Os comentários não representam a opinião do jornal;
a responsabilidade é do autor da mensagem.