Receita bloqueia acesso de quase 100 mil empresas no Simples Nacional

As empresas que foram selecionadas terão que retificar as declarações anteriores e pagar as isenções irregulares

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

- AMIGO + AMIGOS
Preencha todos os campos.
Depois de um pente-fino, a Receita Federal bloqueou o acesso de quase 100 mil empresas que prestaram informações incorretas na declaração mensal do Simples Nacional. Segundo o órgão, as companhias se assinalaram, sem amparo legal, nos campos de "imunidade", "isenção/redução-cesta básica" ou "lançamento de ofício", que são marcações que reduzir o valor dos tributos a serem pagos. 
 
 
As empresas que foram selecionadas terão que retificar as declarações anteriores e pagar as isenções irregulares. Segundo o Fisco, a ação não vai surpreender as companhias, pois já foi “amplamente divulgada” por notícias no Portal do Simples Nacional, “com orientações para o contribuinte se autorregularizar.”
Comentários Os comentários não representam a opinião do jornal;
a responsabilidade é do autor da mensagem.