oferecimento

Gostaria de tirar uma dúvida sobre valores de terceiros no Imposto de Renda. Minha noiva, que convive comigo, transferiu para a minha conta-corrente valores referentes a salários e aulas que ela dá. Investi as quantias em um fundo (LCI %u2014 Banco do Brasil). Todos os recursos são dela. Não se mistura aos meus investimentos. Como faço para declarar essa operação? Declaro como se fosse meu? Com algum tipo de observação? Gustavo Kaufmann

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

- AMIGO + AMIGOS
Preencha todos os campos.

postado em 28/03/2016 11:36

Se o relacionamento entre vocês for uma união estável, sua noiva deve declarar os valores recebido de salário na ficha de %u201CRendimento Tributável%u201D, e você deve informar o saldo da aplicação financeira em 31/12/2015 na ficha %u201CBens e Direitos%u201D. Já os rendimentos da aplicação devem ser incluídos na ficha %u201CRendimento sujeito à Tributação Exclusiva%u201D. Também deve incluir o número do CPF da sua noiva na sua declaração na ficha de %u201Cidentificação do contribuinte%u201D. Caso o relacionamento não seja uma união estável, é preciso declarar, no seu informe à Receita, o valor das aplicações da sua noiva como recebimento de empréstimo na ficha %u201CDívidas e Ônus Reais%u201D e o saldo da aplicação financeira, em 31/12/2015, na ficha %u201CBens e Direito%u201D. Os rendimentos decorrentes da aplicação serão lançados na ficha %u201CRendimento sujeito à Tributação Exclusiva%u201D, conforme o comprovante de rendimento enviado pelo banco. Sua noiva, caso esteja obrigada a declarar pela legislação, deve informar os valores recebidos de salário na ficha de %u201CRendimento Tributável%u201D e o valor que ela lhe repassou, consignar na ficha %u201CBens e Direito%u201D como um crédito, informando o CPF do tomador do empréstimo (o seu).


Perguntas Frequentes

Listamos abaixo as perguntas mais comuns dos leitores

Comentários Os comentários não representam a opinião do jornal;
a responsabilidade é do autor da mensagem.