BID perdoará ao Haiti dívida de US$ 480 milhões e criará fundo de ajuda

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

- AMIGO + AMIGOS
Preencha todos os campos.

postado em 18/01/2010 17:40

France Presse

SANTO DOMINGO - O Banco Interamericano de Desenvolvimento (BID) perdoará a dívida do Haiti com o organismo internacional, calculada em 480 milhões de dólares, anunciou nesta segunda-feira em Santo Domingo, Manuel Labrado, porta-voz da instituição no país caribenho. No plenário de uma reunião preparatória a uma conferência mundial pelo Haiti, celebrada na capital dominicana, Labrado informou que o BID propõe "um pacote de assistência financeira para cooperar com os planos imediatos de recuperação do Haiti". "Fomos autorizados a perdoar a dívida que o país mantém atualmente com o BID", informou. O pacote de assistência financeira do BID contempla, em princípio, a doação de "364 milhões de dólares que podem ser utilizados de imediato", assim como a criação de "um fundo que, em seis anos, ajudaria a reconstrução" do Haiti. "Quero manifestar o compromisso absoluto do BID no apoio ao Haiti", acrescentou Labrado, representante do organismo na República Dominicana. O presidente haitiano René Preval presidiu, junto com o colega dominicano Leonel Fernández, esta primeira reunião, para determinar a reconstrução do Haiti, depois do terremoto que há seis dias arrasou o país e matou, pelo menos, 70.000 pessoas.
Comentários Os comentários não representam a opinião do jornal;
a responsabilidade é do autor da mensagem.