Sepultados no RJ quatro militares mortos no terremoto no Haiti

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

- AMIGO + AMIGOS
Preencha todos os campos.

postado em 22/01/2010 16:15

Os corpos de quatro militares lotados em unidades do Exército no Rio de Janeiro, mortos no terremoto que devastou o Haiti na semana passada, foram sepultados nesta sexta-feira (22/01) no Rio, em Niterói e em Paracambi.

Cerca de 300 pessoas acompanharam o sepultamento, em clima de muita emoção, do tenente-coronel Márcio Guimarães Martins, no cemitério Jardim da Saúde, em Sulacap, subúrbio do Rio.

“Ele era extremamente dedicado à família, um irmão muito companheiro, muito inteligente, era um exemplo para os filhos e a família”, afirmou emocionado o também militar Marcelo Guimarães Martins, irmão gêmeo do tenente-coronel Márcio, cujo corpo ficou desaparecido nos escombros durante sete dias. Casado, Márcio deixa esposa e dois filhos.

O corpo do general de brigada Emílio Carlos Torres dos Santos foi cremado, em cerimônia reservada, no Cemitério do Caju, na zona portuária do Rio de Janeiro.

Em Niterói, na região metropolitana, foi sepultado por volta das 13h, no cemitério Parque da Colina, em Pendotiba, o corpo do coronel Marcus Vinicius Macedo Cysneiros.

Pela manhã, ocorreu o enterro do segundo-sargento Rodrigo de Souza Lima no cemitério de Paracambi, município da região metropolitana do Rio. O velório correu na Câmara Municipal de Piraí, sua terra natal.
Comentários Os comentários não representam a opinião do jornal;
a responsabilidade é do autor da mensagem.