SIGA O
Correio Braziliense

publicidade

Boas dicas na web

Nutricionista brasiliense cria site com sugestões de cardápios para a garotada

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

- AMIGO + AMIGOS
Preencha todos os campos.

postado em 06/05/2013 19:33 / atualizado em 08/05/2013 12:46

Imagine só o quanto é difícil para os pais escolherem o que colocar nas lancheiras dos filhos. Que mãe nunca sofreu na hora de tirar do cardápio os doces e outros vilões da boa nutrição? Aliás, difícil mesmo é saber o que realmente faz bem ou mal à saúde. É por isso que especialistas como Amanda Braga, 24 anos, nutricionista, dão dicas importantes sobre as melhores opções de refeição e de alimentos. Quer saber como se manter forte e cheio de energia para encarar os estudos e as brincadeiras do dia a dia? Acompanhe as dicas de Amanda para uma vida mais saudável!

Orientações valiosas

Amanda Braga é daquelas profissionais muito envolvidas com o que rola na internet. Ela se formou em nutrição pela Universidade de Brasília (UnB) e fez especialização em nutrição para crianças. Depois de ter passado um tempinho trabalhando no Hospital Regional da Asa Norte (Hran), ela criou, em abril deste ano, o site Olha quem está comendo, em que dá orientações sobre alimentação nos primeiros anos de vida. Após cair na rede, vieram o blog e a página no Facebook, que possuem igual sucesso.

A nutricionista considera que as dicas colocadas no site são muito importantes.

— Um pouquinho de orientação que se põe ali já ajuda a pessoa a comer melhor. Quem lê a página vai passando os conhecimentos para as crianças, já que meu público maior está acima dos 18 anos. Mas já vi alguns pequeninos comentando as publicações, sempre muito conscientes da noção de alimentação saudável, relata Amanda.

Wallace Martins/Esp. CB/D.A Press
As dicas de nutrição da especialista contemplam desde o bebezinho que ainda está na barriga da mãe até a garotada que já frequenta a escola. Durante a gravidez, por exemplo, a mamãe não deve achar que está comendo por duas pessoas! O neném que ela carrega precisa de frutas, verduras e legumes em quantidade moderada, assim como todos nós.

Amanda relata ainda que, enquanto trabalhava no Hran, observava algumas crianças um pouco doentes, pois comiam muito mal. Daí a importância de espalhar pelos quatro cantos dicas simples, que podem mudar a vida de muita gente: chocolates, salgadinhos, refrigerantes, doces e outras guloseimas devem ser consumidas de forma controlada. Ou você acha que dá para comer todos esses alimentos várias vezes por semana?

O que levar na lancheira

Agora responda com atenção: você sabe quais alimentos são os mais recomendados para comer no lanche da escola? Amanda acha que é bastante complicado ter que se contentar com uma simples fruta enquanto o coleguinha ao lado come uma deliciosa coxinha de frango. Mas a nutricionista garante: opções saudáveis como pão, suco, iogurte ou leite podem tornar o seu dia mais animado. Quem come bem e com qualidade, certamente se sairá melhor nas atividades da escola!

Reprodução internet
Mas calma aí, não é preciso eliminar todas as guloseimas do cardápio. O ideal é combinar com os pais um dia na semana para levar algo que você realmente goste. Podem ser biscoitos recheados, salgados, chocolates ou mesmo refrigerante, desde que esses alimentos não façam parte do dia a dia. A nutricionista tem um irmão mais novo que adora fugir da dieta saudável. Matheus Braga, 10 anos, gosta muito de doces.

— Ele é uma criança, né? Não posso obrigá-lo a se livrar dos doces, mas podemos fazer um acordo, pondera Amanda, que entende o irmãozinho, já que também não resiste a umas guloseimas. Outra dica importante é dividir os bons hábitos com os colegas. Estimular os amigos — ou mesmo a família — a comer frutas, cereais, legumes e carnes magras (como filés de frango ou de peixe), contribui para que todos levem uma vida mais saudável. Se quiser mais dicas sobre como ter um corpo sadio, muita força e energia, é só acessar o site www.olhaquemestacomendo.com.
Tags:

publicidade