SIGA O
Correio Braziliense

publicidade

Congresso recebeu mais de 150 mil visitantes em 2013

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

- AMIGO + AMIGOS
Preencha todos os campos.

postado em 23/01/2014 19:40

Agência Câmara

Em 2013, quase 155 mil pessoas participaram das visitas guiadas ao Congresso. O número representa cerca de 20 vezes o registrado em 1995, primeiro ano do programa de visitações, que então contou com a presença de 8.455 visitantes.

As visitas ao Congresso são gratuitas e abertas a toda a população. Acontecem todos os dias, inclusive aos sábados, domingos e feriados, das 9h30 às 17h, sem interrupções. As saídas dos grupos ocorrem a cada 30 minutos, a partir do Salão Negro.

Os grupos são conduzidos por monitores treinados da Câmara e do Senado que explicam a história de cada espaço visitado e o funcionamento do Legislativo no Brasil. O programa de visitação oferece, ainda, guias em outros idiomas. Em 2013, cerca de 6.700 estrangeiros participaram das visitas, sendo a maioria deles franceses (aproximadamente 13%).

Os meses com maior número de visitantes em 2013 foram julho, com 18.907 visitas, e maio, com 15.050. Em dezembro, participaram das visitas 12.445 pessoas.

Segundo o coordenador de Visitação Institucional da Secretaria de Relações Públicas do Senado, Aguirre Estorilio, a expectativa é que, se não houver nenhum contratempo, as visitas aumentem no ano de 2014 devido à realização das eleições e da Copa do Mundo.

Disciplina no acesso
Por causa da necessidade de adequar o fluxo de pessoas que circulam no prédio principal do Congresso Nacional nos dias de intensa atividade parlamentar, o Programa Visite o Congresso passou a ter novas regras em 2013, atendendo nas terças e quartas-feiras apenas grupos agendados.

De acordo com Aguirre, após manifestantes de diversas categorias profissionais invadirem o Plenário da Câmara em uma terça-feira do mês de agosto de 2013, a própria polícia da casa resolveu disciplinar melhor o acesso das pessoas nos dias de maior movimentação. “A Câmara chegou até a publicar um ato que disciplinava o acesso de pessoas nas suas dependências. O Senado seguiu a mesma linha para preservar o andamento das sessões”, explicou.

Aguirre destacou que nas quintas-feiras a visitação pode ser feita por grupos espontâneos, mas o percurso é restrito ao Salão Verde, Salão Negro, Salão Nobre e galerias.

Mais informações sobre a visitação podem ser obtidas na página do Câmara na internet, e também pelo e-mail visite@senado.gov.br ou pelos telefones (61) 3303-4671 e 3303-1581, de segunda a sexta-feira. Aos sábados, domingos e feriados, é só ligar para (61) 3216-1768, das 9h30 às 17h.
Tags:

publicidade