SIGA O
Correio Braziliense

publicidade

Em favor da dança

Artistas locais criam grupo para cobrar melhorias para a área. Em um mês, o movimento recebeu mais de 2,3 mil adesões, inclusive de profissionais que atuam fora do país. Hoje, eles se apresentam na Câmara Legislativa e pedem mudanças

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

- AMIGO + AMIGOS
Preencha todos os campos.

postado em 29/04/2014 16:34

Mariana Laboissière

Daniel Ferreira/CB/D.A Press
Personagens de diversos segmentos da dança do Distrito Federal se uniram pelo amor, pelos direitos e pela valorização à arte. Assim surgiu, há um mês, o Mexa-se! Brasília tem Dança!, um movimento de artistas da capital pautados pelo fortalecimento e pelo incremento de políticas públicas voltadas para a área. O grupo ganhou reconhecimento nacional e internacional. Tanto na internet, como fora. Hoje, conta com 2,3 mil adesões de profissionais e amadores. No Dia Internacional e Distrital da Dança, celebrado hoje, esses artistas sobem em um palco diferente: o foyer da Câmara Legislativa. Além de se apresentarem, eles exibem vídeos, lançam livro e participam de sessão solene para tratar das principais demandas da categoria.

“Somos um movimento de ativistas”, define a coreógrafa e videoartista Laura Virgínia, 43 anos, uma das organizadoras do evento. “Por muito tempo, deixamos de nos enxergar e o momento marca esta visibilidade, esta união entre nós e, a partir daí, buscamos mostrar isso ao governo e, assim, retomar o diálogo”, completa o professor de dança João Carlos Corrêa, 50 anos.

Apoio da Unesco

 O espetáculo começa às 16h, com envolvimento da Brasília de vários ritmos. Do clássico ao contemporâneo. Do jazz ao sapateado. Das múltiplas danças: folclórica, de salão, do ventre, de rua. A proposta do Mexa-se! Brasília tem Dança! está pautada no vínculo da diversidade cultural. A diretora e coreógrafa Regina Corvello, 49 anos, também organizadora do evento, ressalta a surpresa em torno da grande quantidade de participantes no movimento. Para ela, trata-se de uma vitória da arte. “A princípio, esperávamos apenas adesões locais. Porém, em poucos dias, recebemos declarações públicas de apoio de artistas de todo o Brasil e do mundo, como a brasiliense Bianca Assad, que hoje é primeira bailarina na Companhia de Ballet Cosi-Stefanescu, na Itália; de Davi Rodrigues, coreógrafo brasiliense que hoje atua no Canadá; e de Davi Motta Soares, único estudante brasileiro na Escola do Ballet Bolshoi em Moscou”, detalhou. Segundo ela, outros nomes consagrados demonstraram simpatia à causa. Ela cita Ana Botafogo, Cecília Kerche e Thiago Soares. As atividades foram parar na página do Conselho Internacional de Dança (CID), ligado à Organização das Nações Unidas para a Educação, a Ciência e a Cultura (Unesco).

O fortalecimento de Brasília como polo de cultura da dança é uma das bandeiras do grupo, que lamenta a posição da cidade como exportadora de talentos. Eles lutam ainda pela reforma imediata do Centro de Dança do DF, fechado em 2013; por mudanças no Fundo de Apoio à Cultura (FAC); pela garantia de inserção de profissionais especializados em dança no serviço público, com mais concursos públicos; e ainda pela criação e implementação da Companhia Oficial de Dança do DF. No evento, os temas serão tratados durante uma sessão solene, marcada para as 19h. Na ocasião, haverá uma mesa composta pelos organizadores do movimento e convidados, além de representantes do governo.
A Secretaria de Cultura informou, por meio da assessoria de imprensa, que está atenta às questões levantadas. Sobre o Centro de Dança, no Setor Cultural Norte, destacou que foi fechado devido a problemas estruturais. A pasta ressalta, porém, que abriu licitação para reforma do espaço.

Quanto ao FAC, a secretaria informa que o projeto atendeu, nos últimos três anos,a  mais de 1 mil projetos, muitos deles na área de dança. Já com relação ao concurso público, ressalta que abriu edital para contratação de 100 pessoas em diversas áreas. “A Secretaria de Cultura também está à frente do debate para a criação da Companhia Oficial de Dança do DF”, assinalou a assessoria.

Integrantes

Existe um grupo com mais de 2,3 mil integrantes. Nele, está anunciado o evento de hoje, na Câmara Legilativa do DF. O Mexa-se! Brasília tem Dança! está no endereço: www.facebook.com/groups/diadadancadf.
Tags:

publicidade