SIGA O
Correio Braziliense

publicidade

AYRTON SENNA »

Herói imortal

Duas décadas após sua morte, um dos maiores ídolos brasileiros ainda está presente na memória dos admiradores. Mais de 20 mil pessoas se reuniram em Ímola para prestar homenagens

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

- AMIGO + AMIGOS
Preencha todos os campos.

postado em 02/05/2014 17:00

Fãs deixaram tributos no muro da curva Tamburello (Alessandro Garofalo/Reuters) 
Fãs deixaram tributos no muro da curva Tamburello


No dia 1º de maio de 1994, a curva Tamburello, no circuito Enzo e Dino Ferrari, em Ímola, tirou do povo brasileiro um dos seus principais ídolos. Ontem, no mesmo local, mais de 20 mil pessoas se reuniram para homenagear Ayrton Senna e para demonstrar o quão vivo o piloto ainda permanece na memória dos amantes do automobilismo, 20 anos após a sua morte.

Entre os presentes, estavam pilotos e ex-pilotos, como o austríaco Gerhard Berger – companheiro de equipe de Senna na McLaren entre 1990 e 1992 —, o italiano Riccardo Patrese, o campeão da MotoGP Valentino Rossi, e Kimi Raikkonen e Fernando Alonso, atuais pilotos da Ferrari. “Seguramente era um ídolo. As crianças da minha geração cresceram vendo ele ganhar. Quando eu corria de kart, o Ayrton estava em seu melhor momento na carreira e isso me inspirou”, disse o espanhol ao canal SporTV.

Na cerimônia, guiados pelo padre Sergio Mantovani, os fãs rezaram um Pai-nosso e, precisamente, às 14h17, horário do acidente fatal do piloto brasileiro, prestaram um minuto de silêncio. Fãs do mundo inteiro, que representavam seu carinho por Ayrton Senna com camisetas e bandeiras, não conseguiram segurar as lágrimas.

O evento foi parte do “Ayrton Senna Tribute — 1994-2014”, iniciativa do site italiano F1Passion, em parceria com a Câmara Municipal de Ímola e o Instituto Ayrton Senna. As homenagens seguirão pelos próximos dias e contarão com palestras sobre segurança, exposições, corridas de kart e exibição de monopostos antigos. Roland Ratzenberger, outra vítima fatal daquele 1º de maio de 1994, também fez parte do tributo no circuito italiano.

Mais tributos

As homenagens a Ayrton Senna não ficaram restritas à curva Tamburello. Em São Paulo, fãs visitaram o túmulo do piloto, no Cemitério do Morumbi, para fazer orações e deixar lembranças, como flores e bandeiras.

A internet também foi bem ativa nos tributos. Diversos atletas e celebridades fizeram depoimentos sobre a admiração e o impacto que o tricampeão mundial teve em suas vidas. “Hoje, faz 20 anos que perdemos um dos maiores ídolos que já tivemos no Brasil. Jamais esqueceremos o seu legado, a sua luta e as suas vibrantes e trabalhadas vitórias, é um orgulho para nós brasileiros ter grandes ídolos como o Ayrton Senna”, escreveu o lateral Daniel Alves em rede social. A Williams e a McLaren, últimas duas escuderias defendidas por Senna, relembraram o carisma e os feitos do piloto brasileiro.




"Quando fui correr na Europa, cada categoria tinha um brasileiro disputando o campeonato. Isso foi muito em função do Ayrton e da paixão que ele representava”

Felipe Massa,
piloto da Williams





Admiradores também compareceram ao túmulo de Senna em São Paulo (Nelson Almeida/AFP ) 
Admiradores também compareceram ao túmulo de Senna em São Paulo


Raikkonen e Fernando Alonso estiveram em Ímola para relembrar Senna (Alessandro Garofalo/Reuters) 
Raikkonen e Fernando Alonso estiveram em Ímola para relembrar Senna
Tags:

publicidade