SIGA O
Correio Braziliense

publicidade

Um fim de semana em Hogwarts

Sete anos após o fim da saga de Harry Potter, fãs mostram que admiração pelo bruxinho segue. Eles reproduzem o Baile de Inverno e os torneios Tribruxo e de quadribol

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

- AMIGO + AMIGOS
Preencha todos os campos.

postado em 15/07/2014 13:30 / atualizado em 15/07/2014 11:51

Grupo do Clube do Livro do DF se reúne em preparação para os eventos dos próximos sábado e domingo (Paula Rafiza/Esp. CB/D.A Press) 
Grupo do Clube do Livro do DF se reúne em preparação para os eventos dos próximos sábado e domingo


Que jovem — ou adulto — não se emociou com a cativante saga do bruxinho Harry Potter e os amigos Rony e Hermione, trio criado pela escritora britânica J.K Rowling? Sete anos após a publicação do último livro, fãs brasilienses revivem os acontecimentos fictícios em cenários da cidade. No último domingo, um grupo reuniu-se na Feira da Torre de TV para encenar e filmar a morte de Dumbledore, mago que foi diretor da escola de magia Hogwarts (leia Para saber mais).

Trata-se do Clube do Livro do DF, comunidade virtual que conta com 9 mil membros e há três anos organiza eventos ligados ao universo literário de best-sellers como Harry Potter, O Hobbit e o mais recente Jogos Vorazes. “Julho é o mês para os ‘pottermaníacos’: além de provas para o torneio tribruxo, organizamos um baile e jogos de quadribol”, ressalta Jessyca Hellen da Silva Alves, estudante de 19 anos e uma das organizadoras do grupo.

No resto do ano, o grupo se reúne uma vez por mês para discutir em uma livraria da cidade. “Mas o mês mais animado é julho. Vem gente de outras cidades, como Belo Horizonte e Rio de Janeiro, para participar dos nossos encontros”, explica Larissa Fernandez, uma das participantes.

Esplanada
O calendário de atividades ligadas ao universo mágico continua pelo resto do mês das férias. No próximo domingo, está marcada a final do Torneio Tribruxo e do Campeonato de Quadribol, esporte fictício no qual Harry Potter se destaca no enredo. “Vamos para o gramado da Esplanada. É a competição entre as quatro casas e vai ser muito divertido”, conta. Além disso, a programação engloba, também para o próximo fim de semana, um baile de inverno, a exemplo daquele descrito no quarto livro da série, Harry Potter e o cálice de fogo. “A ideia é que seja uma festa bem família; teremos cerveja amanteigada e suco de abóbora, mas nada com álcool”, garante Jessyca.



Programe-se

Final do Torneio Tribruxo e de Quadribol
» Gramado da Esplanada dos Ministérios
» Domingo, 20 de julho, às 14h
» Entrada franca

Baile de Inverno
» Clube dos previdenciários
» Sábado, 19 de julho, às 19h
» Ingresso: R$ 50 (comida e bebida incluídas)



Na vida real
As vassouras usadas no jogo fictício estão presentes e precisam ficar entre as pernas dos jogadores. O objetivo é jogar as goles (bolas) nos arcos adversários e desviar dos balaços — peças redondas atiradas pelos atletas do outro time. Para conquistar 150 pontos e terminar a partida, é necessário pegar o pomo de ouro. Neste caso, uma pessoa vestida de amarelo com uma bola de tênis faz as vezes da bolinha voadora, e os atletas chamados apanhadores têm que pegá-la, como em um pique-pega.





 (Reprodução/Internet) 

Para saber mais

Um mundo mágico
A saga do bruxo Harry Potter fez muito sucesso no cinema, mas a história dele começou antes, com as obras escritas pela britânica J.K Rowling. Ela lançou sete livros, e cerca de 450 milhões de cópias foram vendidas em todo o mundo. Harry é um bruxo criado pelos tios em Londres. Quando faz 11 anos, recebe uma carta o convidando para estudar na Escola de Magia de Hogwarts, existente em uma espécie de universo escondido. Lá, ele descobre que os pais morreram em um confronto com o terrível Voldemort e que Harry, quando era bebê, conseguiu derrotar o bruxo maligno — mas saiu com um sinal em forma de raio na testa. Também em Hogwarts, descobre novas amizades (como Rubeo Hagrid, Ronald Weasley e Hermione Granger), um mestre (Alvo Dumbledore) e vários inimigos (Severo Snape e Draco Malfoy). Durante o tempo que passa na escola, participa do Torneio Tribruxo — que escolhe a escola campeã mundial — e vira um dos astros do quadribol. O esporte é jogado por sete atletas em cada time, divididos em quatro posições e com quatro bolas. A goles parece uma bola de futebol vermelha e é arremessada pelos três artilheiros de cada equipe em direção a três arcos, que são os gols adversários e são defendidos por um goleiro. Dois batedores têm a função de rebater os balaços, pequenos bólidos mágicos que tentam derrubar os jogadores. Por fim, o apanhador precisa capturar o pomo de ouro, uma minúscula e veloz bola voadora que, se alcançada, vale 150 pontos e encerra a partida.
Tags:

publicidade