SIGA O
Correio Braziliense

publicidade

CULTURA »

Feira do Livro celebra professores e clássicos

Exibição homenageia o elo entre mestres e estudantes. Este ano, ícones da leitura mundial dividem espaço com novas tecnologias para difusão literária

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

- AMIGO + AMIGOS
Preencha todos os campos.

postado em 17/07/2016 14:18 / atualizado em 23/08/2016 17:36

Sara Campos - Especial para o Correio /

Antonio Cunha
A Feira do Livro de Brasília, evento do ramo mais importante da cidade, vai homenagear este ano os professores e educadores. Na 32ª edição da mostra, grande parte do acervo disponível está relacionado à educação infantil, como forma de incentivar a criação de uma nova geração de leitores. A exposição oferece aos visitantes exemplares dos grandes clássicos da literatura mundial, mas também abre espaço para as novas formas de difusão da literatura, com a participação de personalidades da internet, como youtubers.

O evento começou ontem com atraso na montagem dos estandes. A abertura da feira com o funcionamento de todos os boxes só ocorreu por volta das 14h. A falta de patrocínio não intimidou a organização, que conseguiu apoio de órgãos governamentais poucas horas antes da feira. Uma das organizadoras do evento, Cleide Soares, destacou a importância da Feira do Livro na agenda da cidade. “Essa é a segunda mostra do gênero mais antiga do país. Estamos lutando para que ela não aconteça mais de maneira espaçada, já que a última aconteceu em 2013. É um evento tradicional que possibilita a chegada de novos livros, além de atividades para professores, jovens e escritores”.

O tema central deste ano, Meu mestre Meu Livro, presta uma homenagem aos educadores e incentiva o elo entre professores e estudantes. Grande parte do acervo disponível na feira está voltado para a educação infantil em diversas áreas do conhecimento. Entre os lançamentos, está o livro O Tucano no Cerrado, do escritor Pedro Ivo Santana. “Há alguns anos, folheei os livros do meu filho e percebi que não havia literatura focada nas espécies animais e vegetais encontradas no cerrado. Como fui criado em meio ao bioma, achei interessante escrever sobre essa riqueza tão perto de nós que tem sido tão ameaçada”.

As novas formas de difusão da literatura também ganharam espaço nesta edição da Feira do Livro. A youtuber Juliana Cirqueira, idealizadora do canal Nuvem Literária, fez palestra sobre a rotina de trabalho. Ela falou sobre os encontros literários e sobre a utilização da plataforma digital para a divulgação de obras. “Graças à tecnologia e ao acesso à informação, os jovens de hoje têm comprado mais livros por indicação. Esse nicho ainda tem poucas pessoas e muito potencial para crescer e divulgar novos nomes”, destaca Cirqueira, graduada em letras e com vídeos com mais de 1 milhão de visualizações. Outro nome famoso no meio digital, a youtuber Lorena Reginato, do Careca TV, também esteve entre os palestrantes de ontem. Diagnosticada com câncer, a jovem de 12 anos passou por cirurgia para a retirada de um tumor no cérebro e decidiu criar o canal para relatar a rotina de quem convive com a doença.

A professora Vanessa Alves, de 36 anos, esteve entre o público que visitou o primeiro dia da feira dedicada à leitura. Acompanhada da filha, Maria Julia Costa, 6 anos, participou da contação de histórias, a primeira atividade no evento. “Assim que ela viu alguém contando histórias, foi uma das primeiras a se aproximar para ouvir. Esse método é uma importante porta de entrada para o mundo da literatura”, destaca a professora. “Os pais devem ser os primeiros a introduzir esse tipo de hábito aos filhos, que vão se refletir diretamente nos exemplos que enxergam em casa”.

Entre as obras disponíveis para a comercialização na feira, os grandes clássicos da literatura mundial chamaram a atenção do aposentado Aloisio Nonato, de 76 anos. “Hoje em dia muitas crianças têm se esquecido da importância dos livros. Vi muitas obras com valores acessíveis e que contam sobre a trajetória de grandes nomes. Quero aproveitar essa oportunidade para presentear e incentivar meus netos”, finalizou.

Serviço

A Feira do Livro estará aberta de 16 a 24 de julho de 2016, das 9 às 21 horas, no Centro de Convenções Ulysses Guimarães.
Entrada franca. Informações pelo telefone 3031-6524.

publicidade