SIGA O
Correio Braziliense

publicidade

114 chances na Cultura

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

- AMIGO + AMIGOS
Preencha todos os campos.

postado em 13/12/2012 08:00 / atualizado em 12/12/2012 12:26

O Ministério da Cultura abre hoje inscrições para um processo seletivo simplificado que contratará 114 funcionários temporários para postos de níveis médio e superior — é possível garantir a participação até 8 de janeiro. Os interessados têm dois caminhos para se candidatar: o site do Ministério da Cultura (www.cultura.gov.br) e o da Fundação Universa, a banca organizadora (www.universa.org.br).

De acordo com o edital, há oportunidades para pessoas com formação intermediária — técnicos em contabilidade (18) e de nível médio (18) — e para graduadas em cursos de ciências humanas ou sociais (18), de contabilidade (18 vagas) e qualquer área (42). Os contratos serão válidos por um ano, com possibilidade de prorrogação por até cinco anos. As etapas de avaliação, as respectivas datas e os salários ainda não foram divulgados.

Telebras
O Centro de Seleção e de Promoção de Eventos da Universidade de Brasília (Cespe/UnB) foi escolhido ontem como organizador do certame da Telebras. A expectativa é que o concurso seja realizado até o fim de março. Serão oferecidas 75 vagas, para postos de níveis médio e superior.

Os aprovados serão distribuídos entre a sede da empresa, em Brasília, e as subsedes, nos estados do Rio de Janeiro, do Ceará, do Rio Grande do Sul, de São Paulo, da Bahia e do Pará. Os salários variam entre R$ 2.196,22 e R$ 5.825,11. Também foi divulgado ontem que o Banco de Brasília (BRB) contratará o Instituto Americano de Desenvolvimento (Iades) para organizar o seu novo concurso. O valor do contrato é de R$ 128 mil.


» Em pauta
   no Senado

Está prevista para esta semana a votação, no Senado Federal, dos projetos de lei que elevam os vencimentos de servidores do Executivo e do Judiciário que aceitaram o acordo de reajuste de 15,8% proposto pelo governo em agosto deste ano. Segundo o senador Eduardo Braga, líder do governo na Casa, a intenção é que todos sejam apreciados e validados sem modificações pelo plenário. Os projetos já foram aprovados, na última quarta-feira, pela Câmara dos Deputados, após uma articulação intensa e silenciosa entre o Palácio do Planalto e as bancadas aliadas e de oposição. Também devem entrar na pauta as gratificações dos funcionários do Judiciário e do Ministério Público da União (MPU), o aumento de salário dos professores de universidades federais e dos mais de 20 mil ocupantes de cargos comissionados (DAS).

3 mil vagas para PCDF

Um novo concurso para a Polícia Civil do Distrito Federal (PCDF) foi aprovado, nesta semana, pela Comissão de Segurança Pública e Combate ao Crime Organizado da Câmara dos Deputados, com previsão de 3.029 vagas. Duas mil são destinadas a agentes, 495 a escrivão de polícia, 200 a delegado, 199 a perito criminal, 80 a peritos médico-legistas e 55 a papiloscopistas.
 
 De acordo com o relator da preposição, deputado João Campos (PSDB/GO), é urgente que o quadro de servidores da PCDF seja reestruturado para garantir a eficiência do serviço púbico. A previsão é de que o preenchimento das vagas seja feito de forma gradual, a partir de janeiro de 2014.

  Não é só a quantidade de vagas que chama a atenção; os salários também são bastante atrativos: peritos (criminal e médico-legista) e delegados têm remuneração inicial de R$ 13.368,68; enquanto agentes, escrivães e papiloscopistas recebem R$ 7.514,33. O projeto tramita em caráter conclusivo e será ainda examinado pelas comissões de Trabalho, de Administração e Serviço Público; de Finanças e Tributação; e Constituição, Justiça e Cidadania. Só depois irá a plenário.

O último concurso promovido pela PCDF teve seu edital de abertura lançado em novembro do ano passado. Foram abertas 58 vagas para peritos criminais, sendo 14 para contratação imediatas. As outras 44 são reservas. A banca responsável pela organização do certame e pela elaboração das provas foi a Fundação Universa. A seleção foi composta por prova objetiva, prova discursiva, exames biométricos, avaliação médica, teste de capacidade física, avaliação psicológica, sindicância de vida pregressa, investigação social, prova de títulos e curso de formação profissional.

 

Tags:

publicidade

publicidade