SIGA O
Correio Braziliense

publicidade

Escolas públicas respondem por 33,3% dos ingressantes

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

- AMIGO + AMIGOS
Preencha todos os campos.

postado em 26/04/2013 11:42 / atualizado em 26/04/2013 11:46

A Unicamp registrou, este ano, 33,3% de estudantes da rede pública matriculados em seus cursos de graduação, ou seja, um terço do total de ingressantes. A partir deste ano, o índice leva em consideração, além dos estudantes aprovados no Vestibular Nacional Unicamp 2013, também os ingressantes através do ProFis (Programa de Formação Interdisciplinar Superior), que formou sua primeira turma em 2012. O percentual representa 1.107 estudantes da rede pública – sendo 53 do ProFis –, de um total de 3.320 vagas em cursos de graduação da Unicamp em 2013.

Já entre os inscritos, o percentual de estudantes da rede pública em 2013 é de 28%, o que representa 17.509 candidatos. O Vestibular Unicamp 2013 registrou recorde de inscritos, com 67.403 candidatos.

O índice de matriculados autodeclarados pretos, pardos e indígenas (de acordo com a classificação do IBGE) dentre os ingressantes da rede pública em 2013 é de 8,3%, ou seja, 277 estudantes. O índice geral de pretos, pardos e indígenas matriculados na Unicamp em 2013 é de 14,2%: 472 estudantes.

Os dados apontam o impacto dos programas de inclusão social da Unicamp. O Programa de Ação Afirmativa e Inclusão Social da Unicamp (PAAIS), implantado em 2004, bonifica os candidatos da rede pública na nota final e prevê que estudantes que tenham cursado todo o ensino médio na rede pública brasileira recebam 30 pontos a mais na nota final da segunda fase. Candidatos autodeclarados pretos, pardos e indígenas que tenham cursado o ensino médio em escolas públicas também têm, além dos 30 pontos adicionais, mais dez pontos acrescidos à nota final. Já o ProFis, que formou sua primeira turma em 2012, para ingresso em 2013, é um curso sequencial de dois anos que possibilita o ingresso, na Unicamp, de estudantes das escolas públicas de Campinas, selecionados pelas notas do Enem.
Tags:

publicidade

publicidade