SIGA O
Correio Braziliense

publicidade

Alunos de ensino médio começam curso gratuito de direito amanhã

Estudantes do Cemi, no Gama, terão acesso às aulas em plataforma online

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

- AMIGO + AMIGOS
Preencha todos os campos.

postado em 10/06/2013 16:10 / atualizado em 10/06/2013 17:50

Os alunos do Centro de Ensino Médio Integrado (Cemi) do Gama terão acesso, a partir de amanhã (11/6), às aulas gratuitas de direito oferecidas pela Defensoria Pública do Distrito Federal, em plataforma online. É a primeira vez que o projeto Conhecer Direito utiliza a internet para ministrar palestras sobre direito administrativo, civil, constitucional, penal, noções de processo, direitos da criança e do adolescente, além de língua portuguesa, ética e atualidades. No total, 200 alunos do Cemi se inscreveram no programa, e mais de 120 foram selecionados. Eles vão ter acesso a aulas semanas e poderão entrar na plataforma apenas nas dependências da escola.

A transmissão começa às 14h e todo o curso soma 150 horas/aula. O objetivo dessa iniciativa, segundo o coordenador da Escola da Defensoria Pública do Distrito Federal Evenin Ávila é de universalizar o ensino jurídico entre jovens e, no futuro, levar isso para todas as escolas públicas.

O estudante do Cemi Gabriel Dourado, 16 anos, está animado com o início das aulas. Ele afirma que o curso é necessário, visto que vivemos na capital dos concursos públicos. “Esses conteúdos são muito cobrados nos concursos e nós não temos acesso a eles no ensino médio. Tudo o que sei foi passado por meu irmão, que me deu noções de direito constitucional. Precisamos suprir essa necessidade”, afirma o estudante.

Ávila explica que o curso conta com aulas em vídeo, textos online, material impresso, chat para dúvidas e, quando necessário, reforços presenciais com atividades na escola - oficinas, produção de relatórios, redações e simulados aplicados pelos professores para mensurar o conhecimento adquirido. “O curso é online, mas estaremos dentro da escola acompanhando o passo a passo do projeto”, garante o coordenador.

Sobre o projeto

O programa Conhecer Direito existe desde 2010 e promove cursos presenciais de direito para estudantes nas dependências da Escola da Defensoria Pública. Até agora, 30 escolas públicas do Distrito Federal têm alunos que participam das aulas; Em 2012, a Defensoria Pública criou também o Conhecer Direito Acessível, para alunos com deficiência auditiva, disponibilizando intérpretes em libras para ministrar as aulas.Os diretores que se interessam pelo projeto e querem levá-lo às escolas, basta ligar para a Escola da Defensoria Pública no (61) 2196 4410 ou acessar o site da Defensoria.
Tags:

publicidade

publicidade