SIGA O
Correio Braziliense

publicidade

Aula nas galerias

Visite exposições abertas na cidade e dê um mergulho pela história, pela arte, pela natureza...

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

- AMIGO + AMIGOS
Preencha todos os campos.

postado em 25/11/2013 10:24 / atualizado em 25/11/2013 10:26

Ana Paula Lisboa

Carlos Moura
O itinerário de galerias em Brasília começa com obras da pré-história, passando pelo Renascimento até chegar a trabalhos modernos. Seja lá qual for a época, uma coisa é certa: você não pode perder. Com passeios assim, o aluno aprende curiosidades para ir melhor nas aulas de artes, de história, de geografia, de ciências e até de matemática. Crianças que visitaram dão a opinião delas e você pode escolher o melhor destino para você. Dá para chamar a família inteira para fazer um passeio diferente. Boa visita!

 

Uma ponte para a pré-história

O Parque Nacional da Serra da Capivara fica no Piauí e concentra sítios arqueológicos com pinturas rupestres e antigos acampamentos de até 100 mil anos atrás. O local já foi mar há 200 milhões de anos, mas movimentos tectônicos fizeram aparecer ali planícies, serras e vales preenchidos pela vegetação da caatinga. Quem quiser saber mais sobre como viviam os homens das cavernas brasileiros não pode perder a exposição Serra da Capivara: os brasileiros com mais de 50 mil anos, no Espaço Israel Pinheiro.

Alunos da Escola Classe Quebrada dos Néris, área rural do Paranoá, conheceram a galeria, caminharam pelo Bosque dos Constituintes, fizeram desenhos, assistiram a um filme sobre os biomas brasileiros, se divertiram com jogos de videogame que ensinam a preservar o meio ambiente e muito mais. Ana Beatriz Mendes, 11 anos, se encantou com vestígios do passado:

— Vi fósseis de mamíferos e felinos de até 14 mil anos e vasos de cerâmica. Achei tudo muito legal, ainda mais porque já tinha estudado sobre isso.

Bárbara Oliveira, 10, também gostou muito da mostra:

— Aprendi sobre diferentes biomas, como o cerrado, e também sobre a importância de reciclar e preservar na sala de jogos. Alguns bichos que já desapareceram a gente só consegue conhecer por meio dos fósseis, por isso, é importante cuidar do planeta.

Vinícius Araújo, 9, conta o que viu por lá:

— A exposição tem ossos bem antigões de pessoas e bichos, tem colares com dentes de onça-vermelha, onça-pintada, jaquatirica…

Caio Santos, 9, ficou com vontade de visitar a Serra da Capivara:

— É incrível, nunca tinha vista algo assim. Só faltou ter fóssil de dinossauro!

Confira
Até 15 de dezembro, vá ao Espaço Israel Pinheiro (entre a Praça dos Três Poderes e o Bosque dos Constituintes) de segunda a domingo, das 10h às 18h. É de graça. Informações: 3323-6658.
 

Tags:

publicidade

publicidade