SIGA O
Correio Braziliense

publicidade

Le Petit Galois

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

- AMIGO + AMIGOS
Preencha todos os campos.

postado em 26/05/2014 10:19 / atualizado em 26/05/2014 10:20

Paula Rafiza

Recesso: de 12 de junho a 11 de julho

Tiago de Jesus Chehab, 10 anos, acha que o recesso é muito importante:

— Todo mundo tem que ter o direito de torcer! A Seleção Brasileira vai estar tão forte que as outras seleções vão querer fugir. A Copa dá ao Brasil a chance de mostrar ao mundo o que tem de bom.

Assistir a um jogo pessoalmente é uma chance única para Larissa Silveira, 10:

— Vou ficar muito nervosa no estádio! Vou animar os jogadores. Um lado ruim da Copa é que eu acho que vai ter muito trânsito e manifestação.

Pedro Vieira, 10, não vai ver apenas um, mas três jogos pessoalmente: a abertura da Copa, em São Paulo, uma partida em Brasília e uma em Fortaleza.

— Esse recesso por causa da Copa é uma maravilha porque vou ter mais tempo para descansar e torcer. Pedi muito para os meus pais para ver jogos nos estádios, porque é muito mais emocionante do que ver pela televisão. Na final, talvez o Brasil enfrente Espanha, França ou Holanda, que são times muito fortes. Mesmo se a nossa seleção não ganhar, tudo bem, o que importa é participar.

Marcela Costa, 10, está animada para ver Neymar, Hulck, Fred e Daniel Alves entrarem em campo:

— Temos que ganhar esse hexa! Acho legal que o Brasil receba tantas pessoas de todo o mundo, mas as cidades vão ficar cheias. Se o trânsito já está ruim agora, imagine quando os turistas chegarem…

A vinda de estrangeiros para Brasília é uma boa para Matheus Bittar, 10, cuja família é dona de uma rede de hotéis. Matheus vai torcer no Brasil e no exterior:

— Vou ver a abertura da Copa em São Paulo. Depois, vou viajar para Miami para passar duas semanas com meus primos. A torcida pelo Brasil nos Estados Unidos vai ser muito animada.

Quando eu voltar para Brasília, vou estudar um pouquinho para me preparar para a volta às aulas.

Tags:

publicidade

publicidade