SIGA O
Correio Braziliense

publicidade

Trabalho de repórteres mirins em Ceilândia e Samambaia vira jornal

Alunos que participaram de curso Repórter Mirim nos Centros Olímpicos e Paralímpicos têm orgulho em compartilhar as informações que produziram

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

- AMIGO + AMIGOS
Preencha todos os campos.

postado em 25/07/2014 09:54 / atualizado em 25/07/2014 10:11

Repórter Mirim Breno Gomes/SEspDF/FAC

A volta das férias teve um gostinho ainda mais especial para alguns alunos dos Centros Olímpicos e Paralímpicos de Ceilândia (Parque da Vaquejada) e Samambaia. Na última quarta-feira (23/7), os jovens que concluíram o curso Repórter Mirim puderam ver, nas páginas de um jornal, o resultado do trabalho realizado por eles. As matérias e fotos produzidas levam a assinatura de cada um e mostram um pouco do que acontece nos Centros e nas respectivas comunidades, com dicas de saúde, lazer e cultura. A iniciativa faz parte do projeto Esporte e Cidadania, parceria entre a Fundação Assis Chateaubriand e a Secretaria de Esporte do Distrito Federal. Os arquivos dos jornais podem ser acessados em www.facbrasil.org.br


Um misto de satisfação e orgulho tomou conta dos repórteres mirins, que não escondiam a vontade de mostrar a todos o resultado de um trabalho que vai ficar na memória. Carolina Carvalho, 15 anos, escreveu sobre a importância do espírito de equipe nos esportes coletivos. “É muito gratificante a gente ver um trabalho nosso que várias pessoas vão ler. Dessa forma, a gente ajuda a incentivar a leitura também”, destacou a repórter mirim.
Já o colega Matheus Gomes, 12, produziu uma matéria para alertar jovens sobre os males da tecnologia, como o vício do smartphone, computador e videogame. Ele contou que o processo de produção, as aulas do Repórter Mirim e a visita aos veículos dos Diários Associados o fizeram despertar a vontade de ser um jornalista profissional. “Muitas pessoas grandes no mundo começaram pequenas. Com o Repórter Mirim, temos a oportunidade de uma carreira promissora. E agora podemos fazer muito mais em prol do povo”, afirmou.
A repórter mirim de Samambaia Rafaela Cordeiro ficou emocionada. Ela fotografou alunos para um povo fala sobre a importância do Centro Olímpico e Paralímpico na vida da comunidade. “Achei muito lindo o jornal, bom demais ver nosso trabalho em prática depois de tantas experiências, tudo o que foi discutido em sala. É uma recompensa muito grande estar com tudo pronto e as pessoas comentando que viram nosso nome no jornal.”


Empolgação


Essa empolgação contagiou também aqueles que receberam alguns dos 8 mil exemplares impressos. “Achei legal porque incentiva os outros verem que adolescentes também podem fazer reportagens”, comentou Anderson Sávio, 14, aluno de futsal. “Gostei porque o jornal fala mais sobre as atividades do Centro para quem não sabe e pode participar”, observou Marcos Vinícius Lima, 13, também do futsal.


Para a assistente social da unidade de Ceilândia, Ana Karina Gomes, o curso abriu novas portas e despertou talentos. “Eu não imaginava que iria ficar tão bom o jornal. Ficou um trabalho de excelência, eles foram muito competentes em tudo o que fizeram, tanto os textos quanto as fotos. Antes, eles nem percebiam que poderiam se destacar nessa área, mas tiveram vontade de seguir, receberam o incentivo para conhecer uma nova profissão, que eles nunca haviam tido contato”, ressaltou. A pedagoga Franciane da Cunha Ferreira acrescentou que o esforço da Fundação Assis Chateaubriand valeu a pena. “Ficamos muito felizes de ter ajudado no processo, no incentivo à participação dos meninos. A carinha de felicidade deles de ver o jornal pronto foi gratificante. Os pais se sentiram orgulhosos e a gente também.”


Inscrições em Riacho Fundo I e São Sebastião

Em breve, alunos dos Centros Olímpicos e Paralímpicos de Riacho Fundo I e São Sebastião também produzirão reportagens e fotos para um jornal. O prazo de inscrições para o concurso de redação que vai selecionar os participantes da nova etapa do curso Repórter Mirim termina nesta sexta-feira (25/7). As vagas são restritas a alunos devidamente matriculados nessas unidades. Interessados devem procurar a Gerência de Apoio Social dos Centros das 8h às 12h e das 14h às 18h.
Informações e regulamento: www.facbrasil.org.br


Acompanhe as novidades do Repórter Mirim em www.facebook.com/esportecidadaniadf

publicidade

publicidade