SIGA O
Correio Braziliense

publicidade

DF ganhará mais nove creches públicas

Cada unidade terá capacidade para atender 112 crianças

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

- AMIGO + AMIGOS
Preencha todos os campos.

postado em 18/03/2015 11:46 / atualizado em 18/03/2015 11:47

Agência Brasília

A população do DF vai ganhar nove creches públicas, com capacidade para atender 112 crianças. A expectativa é que elas sejam inauguradas até o aniversário de Brasília, em 21 de abril. O governador Rodrigo Rollemberg e o secretário de Educação, Júlio Gregório, visitaram na tarde desta terça-feira dois estabelecimentos que funcionam em Santa Maria — Creche Angelins e Corujinha do Cerrado.

Mantidas pela instituição Renascer e consideradas modelos, têm oito salas de aula, dois berçários, parquinho, sala de vídeo e refeitório para a alegria e a segurança da garotada de até 5 anos. O turno é integral, e os alunos recebem cinco refeições diárias.

Serão inauguradas duas creches em Sobradinho e outras duas em Samambaia. Plano Piloto, Águas Claras, Santa Maria, Ceilândia e Brazlândia terão mais uma unidade em cada região. “Esse é um direito das crianças e vamos atendê-lo aos poucos; o nosso objetivo é ampliar a capacidade de atendimento”, disse o governador.

Outros 24 estabelecimentos estão em obras e devem ser inaugurados até o fim do ano. Cada prédio custa em média R$ 2,8 milhões. Metade desse valor é financiado pelo Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação, e o restante custeado pelo governo do DF. A verba para as construções está prevista no orçamento de 2015, mas ainda precisa ser liberada.

Serão repassados R$ 72 mil por mês em média para a manutenção das atividades em cada uma das nove creches. O montante de cerca de R$ 648 mil também está previsto no orçamento e foi liberado para ser transferido às instituições.

Hoje, o DF conta com 87 creches públicas frequentadas por 15 mil alunos de até cinco anos. Todas elas receberam os recursos para o primeiro quadrimestre de 2015 — R$ 35 milhões. As dívidas referentes ao ano passado, que somavam cerca de R$ 8 milhões, foram pagas em 21 de janeiro. Portanto, não há qualquer pendência financeira do governo do DF com as instituições mantenedoras das unidades.

Visita
O governador e o secretário de Educação foram recebidos com festa nas duas creches de Santa Maria visitadas na tarde de hoje. Rollemberg entrou em todas as salas de aula e brincou com as crianças. Os alunos da Corujinha do Cerrado cantaram uma música para o chefe do Executivo, que saiu de lá emocionado: “Pude ver hoje que as crianças estão bem cuidadas, e que esse modelo de instituição proporciona conforto, higiene e equipamentos adequados para transformar a vida desses alunos por meio da educação”.

publicidade

publicidade