SIGA O
Correio Braziliense

publicidade

Plano Distrital de Educação é aprovado em comissão

Votação do texto em plenário será realizado na tarde desta terça-feira (16)

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

- AMIGO + AMIGOS
Preencha todos os campos.

postado em 16/06/2015 12:20

Mariana Niederauer

O Plano Distrital de Educação (PDE) foi aprovado na manhã desta terça-feira (16) na Comissão de Constituição e Justiça (CCJ) da Câmara Legislativa do Distrito Federal (CLDF). A relatora, deputada Sandra Faraj, deu parecer favorável ao projeto. No entanto, ela questionou o uso da palavra gênero no documento. Para a deputada, o termo é “ambíguo e carrega um caráter ideológico”.

O questionamento gerou confusão por parte de representantes do Sindicato dos Professores do DF (Sinpro-DF) e da União Brasileira dos Estudantes Secundaristas (Ubes). O presidente da sessão, Bispo Renato, pediu que os manisfestantes parassem com as palavras de ordem durante o debate. No fim, o termo foi substituído por um texto que citava a erradicação de “todas as formas de discriminação”.

O secretário de Educação do DF, Júlio Gregório, disse que o debate que aconteceu na CLDF se repetiu nos estados. “A discussão do DF é muito parecida. A palavra gênero foi, inclusive, retirada do Plano Nacional de Educação”, disse.

Os deputados correm contra o tempo, já que a previsão é que o plano seja sancionado até 24 de junho, sob risco que o DF perca prioridade em programas federais O documento norteará os rumos do ensino nos próximos dez anos no DF. Por isso, a votação em plenário deve ser realizada ainda nesta terça-feira, após às 16h30.

publicidade

publicidade