SIGA O
Correio Braziliense

publicidade

EDUCAÇÃO »

DF tem colégio entre os melhores

Escola particular da capital ficou com a 29ª maior média no Enem de 2014, de acordo com lista divulgada pelo Inep. Entre as públicas, a mais bem colocada foi o Colégio Militar de Brasília

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

- AMIGO + AMIGOS
Preencha todos os campos.

postado em 06/08/2015 12:43 / atualizado em 06/08/2015 12:46

Paloma Suertegaray

Rodrigo Nunes

Apenas um colégio do Distrito Federal ficou entre os 50 melhores do país, segundo as notas do Exame Nacional do Ensino Médio de 2014 (Enem) divulgadas ontem pelo Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep). O mais bem colocado da capital foi o Olimpo, com a 29ª colocação geral do país. Os alunos do colégio alcançaram a média de 713,09 pontos, considerando as notas da prova objetiva e da redação. O Colégio Ideal ficou com a segunda maior nota entre as melhores escolas do DF (691,17), seguido pelo Olimpo de Águas Claras (689,97). As três escolas também ficaram nos primeiros lugares do ranking de notas da redação: o Olimpo, com 777,37; o Ideal, com 767,27; e o Olimpo de Águas Claras, com 754.

Disciplina, exigência e acompanhamento próximo do desempenho dos alunos são os principais ingredientes das instituições que ocupam o topo do ranking. No caso da estudante do 3º ano do Colégio Olimpo Beatriz Santana, 16 anos, a dedicação faz parte da busca por uma vaga no curso de medicina da Universidade de Brasília (UnB). Para alcançar a meta, tem aulas de manhã e revisa as matérias à tarde. “Faço muitos exercícios para ajudar a fixar o conteúdo”, conta. “Os professores são muito bons e estão sempre a postos para ajudar, o que me faz sentir mais bem preparada”, completa. Entre os estudantes da unidade de Águas Claras do colégio, a dedicação também é intensa. Cairo Lucas Oliveira Silva, 16, chega ao colégio Às 7h10 e fica por lá até as 22h. “Os professores me passam uma segurança muito grande de que estou sendo bem direcionado”, diz.

 

Os alunos do Colégio Ideal não ficam para trás quando o assunto é se esforçar para conseguir uma boa nota no Enem. Brenda Kennedy, moradora de Taguatinga e estudante do 3º ano, pretende estudar engenharia elétrica na UnB e não economiza nas horas de estudo. Segundo a jovem, o suporte oferecido pelo corpo docente é um diferencial para ter um bom desempenho na prova. “Além de oferecer monitorias, a escola tem uma orientadora que nos ajuda a planificar os estudos”, descreve. De acordo com o diretor da instituição, Roberto Cavalcante, o clima de imersão dos alunos no processo de preparação para os exames de admissão na UnB serve como incentivo. “Eles respiram vestibular e Enem desde que entram na escola e ficam empolgados”, diz.

Disciplina

Entre as escolas públicas do DF, o Colégio Militar de Brasília ficou com a maior média, com 609,24 pontos, na 22ª colocação (veja o ranking). Em segundo lugar, vem o Colégio Militar Dom Pedro II, com nota 600,48. “Para alcançar a boa colocação, o colégio se norteia por três elementos: a disciplina com o comportamento do aluno, o planejamento de atividades entre professores e coordenadores e o sistema de condecorações para os alunos que tirarem as melhores notas, como forma de incentivo”, explica o chefe de departamento de ensino da instituição, tenente Rubens Gontijo.

Os últimos postos do ranking geral do DF também ficaram com escolas públicas: o CED 15 de Ceilândia (468,12), o CED123 de Samambaia (466,92), e o CED 416 de Santa Maria (461,88). No total, a tabela divulgada pelo Inep inclui 183 escolas do DF. Para o professore Remi Castioni, da Faculdade de Educação da Universidade de Brasília (FE/UnB), o perfil dos alunos no DF pode ajudar a explicar porque apenas uma escola local está entre as 50 melhores no Enem, critério para ingressos em instituições públicas de ensino superior. “Em Brasília, a oferta do ensino superior privado é proporcionalmente maior do que no resto do Brasil e há uma tendência que as pessoas migrem para essas escolas”, afirma.

publicidade

publicidade