SIGA O
Correio Braziliense

publicidade

Renato Janine Ribeiro deixa Ministério da Educação

Demissão foi comunicada nesta quarta-feira (30). Aloizio Mercadante deve assumir a pasta

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

- AMIGO + AMIGOS
Preencha todos os campos.

postado em 30/09/2015 18:59 / atualizado em 30/09/2015 19:59

Edy Amaro/Esp. CB/D.A Press
Renato Janine Ribeiro deixará o Ministério da Educação (MEC) na reforma ministerial do governo. Ele foi demitido do cargo nesta quarta-feira (30) pela presidente Dilma Rousseff. A assessoria de comunicação do órgão confirmou a saída do dirigente da pasta. O atual ministro da Casa Civil Aloizio Mercadante deve retornar ao cargo, que já foi ocupado por ele durante dois anos (entre janeiro de 2012 e fevereiro de 2014).

 

Confira nota do MEC sobre o assunto:

 

"A presidenta da República, Dilma Rousseff, esteve com o ministro da Educação, Renato Janine Ribeiro, nesta quarta-feira, 30, às 15h, no Palácio do Planalto. Ficou confirmada a saída de Janine Ribeiro do cargo. A presidenta reconheceu e agradeceu o trabalho do ministro no MEC."

 

Renato Janine Ribeiro é professor de filosofia aposentado da Universidade de São Paulo (USP). À frente do MEC, um dos desafios do ex-ministro era implementar o Plano Nacional de Educação (PNE), que foi sancionado em 2014 e estabeleceu metas para a área nos dez anos seguintes. A época do anúncio do nome de Janine para a pasta, pesquisadores e especilistas da área apoiaram a escolha de um acadêmico para a pasta. Ele ficou cinco meses no cargo – o dirigente assumiu a pasta em abril deste ano, depois que Cid Gomes pediu demissão.

publicidade

publicidade