SIGA O
Correio Braziliense

publicidade

Estudantes brasileiros que vivem no Japão participam da OBM 2016

Com educação infantil, ensino fundamental e médio legalizados pelo MEC, Mundo de Alegria é o primeiro colégio brasileiro reconhecido pelo governo japonês

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

- AMIGO + AMIGOS
Preencha todos os campos.

postado em 24/06/2016 13:07


A 1ª fase da Olimpíada Brasileira de Matemática (OBM) 2016 foi aplicada em uma escola para crianças brasileiras localizada no exterior. O colégio Mundo de Alegria, situado na cidade de Hamamastu-Shi, no estado de Shizuoka-Ken, no Japão, tem 202 alunos brasileiros, e 80 deles fizeram em 17 de junho a prova da 1ª fase da OBM 2016, mesma data em que o exame foi aplicado em escolas no Brasil.

 

De acordo com a direção do colégio, o objetivo da participação da escola na 38ª OBM é, não só aproveitar a oportunidade de fazer uma avaliação que teste a habilidade em matemática, mas também lhes proporcionar a alegria de participar de uma competição que abrange milhares de estudantes brasileiros.

 

A escola Mundo de Alegria é voltada para alunos brasileiros e peruanos residentes no Japão. O colégio é legalizado junto ao Ministério da Educação (MEC). Oferece educação infantil, ensino fundamental e médio. Segundo a direção, os alunos peruanos não estudam na mesma sala que os brasileiros. A língua materna é respeitada, e há professores brasileiros e peruanos contratados para lecionar em salas de aula separadas. Todos os alunos brasileiros matriculados na escola aprendem, além do português, japonês, inglês e espanhol.

 

O Mundo de Alegria foi o primeiro colégio brasileiro reconhecido pelo governo japonês, conta, orgulhosa, a diretora da escola, Marli Loiola.

 

Sobre a OBM

 

Criada em 1979, A Olimpíada Brasileira de Matemática (OBM) é um projeto conjunto do Instituto Nacional de Matemática Pura Aplicada (IMPA) e da Sociedade Brasileira de Matemática (SBM). Tem por objetivo estimular o estudo da matemática; identificar e apoiar estudantes com talento para a disciplina e para a pesquisa científica; e selecionar e preparar as equipes brasileiras que participam das diversas competições internacionais de matemática.

publicidade

publicidade